Info

Lucro da Corticeira Amorim cai 19,7% para 16 ME no 1.º trimestre

| Economia
Porto Canal com Lusa

Redação, 06 mai 2021 (Lusa) -- O lucro da Corticeira Amorim caiu 19,7%, para 16,0 milhões de euros, no primeiro trimestre em termos homólogos, tendo as vendas recuado 2,0%, para 199,6 milhões, penalizadas pela pandemia e desvalorização cambial, divulgou hoje a empresa.

"A atividade das unidades de negócio continuou a ser condicionada pelas medidas restritivas implementadas por diferentes países para conter a propagação da pandemia covid-19, com consequências profundas nas economias e padrões de consumo globais", refere a Corticeira Amorim num comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Salientando que a comparação homóloga é feita "com vendas do primeiro trimestre de 2020 não afetadas por covid-19", a empresa refere que "a evolução cambial teve também um impacto desfavorável", sendo que, "excluindo este efeito, as vendas teriam sido em linha com as do ano anterior".

Até março, a empresa com sede em Mozelos, Santa Maria da Feira, reporta uma queda homóloga de 10,2% do EBITDA (resultados antes de impostos, juros, amortizações e depreciações) consolidado, para 32,1 milhões de euros, tendo o rácio EBITDA/vendas diminuído de 17,6% para 16,1%.

PD // JNM

Lusa/Fim

+ notícias: Economia

Captura de sardinha em Portugal pode aumentar para até 30.000 toneladas

A captura de sardinha em Portugal poderá aumentar para até 30.000 toneladas já este ano, anunciou o ministro do Mar, após o parecer científico do Conselho Internacional para a Exploração do Mar.

Bruxelas dá 'luz verde' e elogia plano de recuperação português

A presidente da Comissão Europeia anunciou hoje a aprovação pelo executivo comunitário do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) português, sublinhando que este "irá transformar profundamente a economia" nacional e que os primeiros fundos poderão chegar em julho.

Diretor de Recursos Humanos da TAP suspenso até conclusão do inquérito sobre vídeo em Madrid

O diretor de Recursos Humanos da TAP, Pedro Ramos, foi suspenso de funções, na sequência do inquérito instaurado devido a um vídeo publicado nas redes sociais, onde refere um recrutamento de pessoal em Madrid, anunciou hoje a transportadora.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.