Info

Covid-19: Centro Hospitalar Cova da Beira pede voluntários para estrutura de retaguarda

| País
Porto Canal com Lusa

Covilhã, Castelo Branco, 26 jan 2021 (Lusa) - O Centro Hospitalar Universitário Cova da Beira (CHUCB) está a pedir voluntários e a contactar profissionais reformados que possam ajudar a assegurar o serviço da estrutura hospitalar de retaguarda que está a ser criada no concelho da Covilhã.

"Porque o momento pelo qual passamos reclama a participação cívica de todos e porque todos somos poucos nesta luta contra a covid-19, o Centro Hospitalar está a encetar contactos junto de colaboradores aposentados do hospital para suprir a necessidade extraordinária de recursos humanos a que uma estrutura desta natureza obriga", aponta o CHUCB em comunicado enviado à agência Lusa.

Esta unidade hospitalar com sede na Covilhã, distrito de Castelo Branco, também deixa um apelo público "a quem queira colaborar, de forma livre e voluntária neste projeto, para que se manifeste, na certeza de que por esta via estará a ajudar".

A nota esclarece que está em causa uma "Unidade de Apoio Pós Alta", que ficará instalada no Seminário do Verbo Divino, na freguesia do Tortosendo, e que tem capacidade para 30 camas.

Resultado de uma parceria entre o CHUCB, a Câmara da Covilhã e o Agrupamento de Centros de Saúde da Cova da Beira, esta unidade deve abrir "muito em breve" e destina-se a aliviar a pressão que se faz sentir nas áreas de internamento do CHUCB, face ao aumento de doentes com covid-19.

A criação de um "hospital de retaguarda" naquele local já tinha sido anunciada, na sexta-feira, pelo presidente da Câmara da Covilhã, Vítor Pereira, sendo que, ao contrário do inicialmente apontado, a estrutura destina-se a doentes 'não covid', que já tenham tido alta hospitalar mas que continuem a precisar de cuidados.

"Esta infraestrutura estará dotada com todas as amenidades e condições logísticas, o que lhe permitirá receber utentes com alta clínica, provenientes dos internamentos 'não covid' do CHUCB", é referido.

Lembrando a "grande responsabilidade social" que o projeto exige, a informação aponta igualmente que os voluntários que queiram colaborar nas diferentes tarefas podem contactar o CHUCB através do e-mail: eventos@chcbeira.min-saude.pt, informando o nome completo, idade, situação profissional ou ocupação e contacto telefónico.

O CHUCB tem atualmente quatro enfermarias para doentes com covid-19, tendo, atualmente uma capacidade de 125 camas em enfermaria e oito na Unidade de Cuidados Intensivos (UCI).

Esta segunda-feira, estão ali internados 120 doentes infetados com o novo coronavírus, 113 em enfermaria e sete em UCI, de acordo com os dados do CHUCB.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.140.687mortos resultantes de mais de 99,6 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 10.469 pessoas dos 636.190 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

CYC // JEF

Lusa/Fim

+ notícias: País

Portugal regista mais 2898 casos de Covid-19 e mais 13 mortes nas úlltimas 24h

Portugal registou nas últimas 24 horas mais 2.898 casos confirmados de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2 e 13 mortes atribuídas à covid-19, bem como mais 75 pessoas internadas com a doença, segundo a Direção-Geral da Saúde.

Portugueses retidos em Marrocos pedem voo de repatriamento 

Depois do fecho das fronteiras de Marrocos, várias dezenas de portugueses ficam retidos e, segundo apurou o Porto Canal, pedem um voo de repatriamento. Em declarações ao Porto Canal, os portugueses retidos tentam encontrar soluções, mas muitas delas com custos insuportáveis.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.