Info

Covid-19: Alemanha regista quase mil mortos em 24 horas

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Berlim, 19 jan 2021 (Lusa) - A Alemanha voltou a registar quase mil mortos por covid-19 nas últimas 24 horas tendo sido contabilizados 11.369 novos contágios, segundo dados do Instituto Robert Koch (RKI).

O número total de casos no país, desde o princípio da pandemia, é de 2.052.028 e morreram, até ao momento, 47.622 pessoas, 989 nas ultimas 24 horas.

O máximo de contágios registou-se no passado dia 18 de dezembro com 33.777 infeções em 24 horas.

Na quinta-feira passada o número de óbitos foi de 1.244, em 24 horas.

Segundo o RKI, 1.716.200 pessoas conseguiram recuperar da doença sendo que há 302.326 casos continuam ativos, em todo o país.

No conjunto da Alemanha, a incidência acumulada nos últimos sete dias situa-se em 131,5 casos por cada 100 mil habitantes.

Na última semana somaram-se 109.365 novas infeções.

O pico da incidência registou-se no dia 22 de dezembro do ano passado com 197,6 novas infeções por cada 100 mil habitantes, no período de uma semana. 

A Alemanha comunicou na segunda-feira 7.141 casos e 214 óbitos, os valores mais baixos das últimas semanas.

Mesmo assim, o RKI indicou no relatório diário publicado na tarde de segunda-feira que o estado da Renânia-Palatinado não tinha comunicado os dados e, por outro lado, o instituto não tinha recebido as cifras completas da Baviera e do Sarre. 

O estado de Baden-Wurttemberg completou na segunda-feira os dados correspondentes ao dia anterior que entraram na contabilização comunicada no primeiro dia útil da semana. 

O número de pacientes com covid-19 nas unidades de cuidados intensivos ascendia na segunda-feira a 5.003 - mais 32 pacientes em 24 horas -, dos quais 2.869 - 34 mais do que no domingo -, necessitaram de respiração assistida, de acordo com os dados da Associação Interdisciplinar Alemã de Cuidados Intensivos e de Medicina de Urgência (DIVI).

Em apenas um dia registaram-se 547 novos internamentos de doentes com covid-19 nas Unidades de Cuidados Intensivos sendo que os serviços registaram um decréscimo de 515 pessoas mas 39% corresponde ao número de óbitos. 

O fator de reprodução (R) que tem em consideração as infeções num intervalo de sete dias, situa-se no conjunto da Alemanha em 0,89 o que significa que cada 100 infetados contagiam em média 89 pessoas. 

Desde o dia 26 de dezembro, o número de pessoas que receberam a primeira dose da vacina contra o covid-19 na Alemanha ascende a 1.139.297, um valor que corresponde a 1,4% da população.

Até ao momento, 6.581 pessoas receberam a segunda dose da vacina. 

A chanceler alemã e os chefes de governo regionais vão analisar hoje o impacto das atuais restrições para as prolongarem até meados de fevereiro.

Outras medidas vão ser agravadas por receio da propagação das novas variantes do novo coronavírus. 

Está em discussão o uso obrigatório do uso de máscaras de proteção sanitária FFP-2 nos transportes públicos e nos estabelecimentos comerciais que ainda podem permanecer a funcionar.

O teletrabalho vai ser ampliado assim como pode vir a ser decretado o recolher obrigatório noturno, uma medida que alguns estados não consideram necessária.  

Na Alemanha permanecem encerrados, desde meados do passado mês de dezembro, os estabelecimentos de ensino e o comércio não essencial e continua suspensa toda a atividade ligada a locais de divertimento, desporto, cultura e gastronomia.  

 

PSP // SB

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Nova variante do coronavírus chama-se Omicron e é de preocupação

A Organização Mundial da Saúde (OMS) classificou hoje como "de preocupação" a nova variante B.1.1.529 do coronavírus que causa a covid-19, detetada pela primeira vez na África do Sul, e designou-a pelo nome Omicron.

Putin contacta Erdogan e critica utilização de drones turcos pela Ucrânia

Moscovo, 03 dez 2021 (Lusa) -- O Presidente turco, Vladimir Putin, criticou hoje em contacto telefónico com o líder turco, Recep Tayyip Erdogan, a utilização de drones turcos pela Ucrânia na região do Donbas, controlada pelos separatistas pró-russos.

Covid-19: Incidência em Espanha sobe 14 pontos para 248 casos

Madrid, 03 dez 2021 (Lusa) -- A incidência de covid-19 em Espanha aumentou para 248 casos por 100.000 habitantes, com 13.738 novas infeções, enquanto a pressão hospitalar nas unidades de cuidados intensivos subiu para 8,84%.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS