Guerra na Ucrânia - Clique aqui e veja os pontos essenciais
Info

Covid-19: Surto em lar de freguesia rural de Nisa com 35 infetados

| País
Porto Canal com Lusa

Nisa, Portalegre, 11 jan 2021 (Lusa) -- Um surto de covid-19 num lar de uma freguesia rural de Nisa, no distrito de Portalegre, já infetou, pelo menos, 35 utentes e funcionários, disse hoje à agência Lusa fonte da instituição.

De acordo com a vice-provedora da Santa Casa da Misericórdia de Amieira do Tejo (SCMAT), Alice Martins, estão infetados "24 utentes e 11 funcionários" da instituição.

"Só temos um utente hospitalizado, mas não é por causa da covid-19, embora esteja também infetado. Na instituição, nós temos 24 utentes infetados e há uma utente que vai realizar novamente o teste porque resultou inconclusivo", explicou.

"Os nossos utentes estão todos assintomáticos, normais. Nós temos aqui uma brigada da Segurança Social a ajudar-nos e os utentes estão isolados numa parte do lar, estão a ser bem tratados", acrescentou.

O lar da SCMAT, cujo surto foi detetado na terça-feira, conta com um universo de 26 utentes e 22 funcionários.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.926.570 mortos resultantes de mais de 89 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 7.803 pessoas dos 483.689 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

O estado de emergência decretado em 09 de novembro para combater a pandemia foi renovado com efeitos desde as 00:00 de 08 de janeiro, até dia 15.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

HYT // MCL

Lusa/Fim

+ notícias: País

Covid-19: Idosos começam hoje a receber segundo reforço da vacina

Os idosos residentes em lares começam hoje a receber a segunda dose de reforço da vacina contra a covid-19, que estava prevista para o início do outono, mas que foi antecipada devido ao aumento de infeções no país.

Trabalhadores da CP em greve hoje por aumentos salariais

Os trabalhadores da Comboios de Portugal (CP) cumprem durante as próximas 24h uma greve a nível nacional onde pedem uma "atualização salarial" que tenha em conta o "escalar do custo de vida atual", explicou Sérgio Fernandes do Sindicato nacional dos trabalhadores do setor ferroviário. 

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS

N'Agenda

Festivais - Soam as guitarras