Info

Covid-19: EUA ultrapassam 15 milhões de casos confirmados

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Washignton, 08 dez 2020 (Lusa) - Os Estados Unidos da América superaram hoje os 15 milhões de casos confirmados do novo coronavírus e registam mais de 284 mil mortes pela doença de covid-19, segundo a última contagem da Universidade Johns Hopkins.

De acordo com o balanço, foram registados 15.019.092 casos confirmados nos Estados Unidos e 284.887 mortes desde o início da pandemia naquele país.

Nova Iorque continua a ser o estado americano mais afetado pela covid-19, com 35.063 mortos, seguidos pelo Texas (23.195), Califórnia (20.075), Flórida (19.282) e Nova Jérsia (17.426).

Os Estados Unidos são o país do mundo mais afetado pela pandemia de covid-19, sendo que nas últimas semanas tem sido registado um aumento do número de casos, o que forçou à imposição de novas medidas de restrição de mobilidade em diversos estados, incluindo na Califórnia, o estado mais populoso, com cerca de 40 milhões de habitantes.

Hoje, a Agência de Alimentos e Medicamentos americana (FDA, em inglês) confirmou a segurança e eficácia da vacina contra a covid-19 da Pfizer e BioNTech, numa primeira análise antes da sua autorização, o que indica que a campanha de vacinação nos Estados Unidos pode começar nos próximos dias.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.545.320 mortos resultantes de mais de 67 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

JGA // HB

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Cientistas descobrem anticorpos que podem neutralizar as variantes da Covid-19

Uma equipa internacional de cientistas descobriu anticorpos que podem neutralizar as variantes da Covid-19, incluindo esta última variante Ómicron, um estudo que foi desenvolvido por cientistas da Escola de Medicina da Universidade de Washington, nos EUA

Iémen: ONU alarmada com escalada do conflito e ataques a civis, Israel acusa Irão

Genebra, 18 jan 2022 (Lusa) -- O Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos (ACNUDH) expressou hoje "preocupação" com a escalada do conflito no Iémen, após o bombardeamento da coligação árabe contra a capital Sanaa, que provocou pelo menos 12 mortes.

Afeganistão: 98% da população desnutrida e 9 milhões de pessoas "à beira da fome" - Unicef

Roma, 18 jan 2022 (Lusa) -- A quase totalidade da população afegã (98%) não tem o suficiente para comer e 9 milhões de pessoas estão "desesperadas, à beira da fome", alertou hoje o porta-voz da Unicef de Itália, Andrea Lacomini.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.