Covid-19: EUA registam mais de 2.500 mortos e batem novo recorde diário de casos

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Washington, 06 dez 2020 (Lusa) - Os Estados Unidos registaram 2.527 mortos e 229.859 infetados com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, um novo recorde diário de casos, segundo a contagem independente da Universidade Johns Hopkins.

Com este balanço, o número de óbitos desde o início da pandemia no país subiu para 281.121 e o de casos para 14.567.529.

O número de mortes excede as estimativas iniciais da Casa Branca, que projetava entre 100 mil e 240 mil óbitos.

O Presidente norte-americano, Donald Trump, baixou essas estimativas e estava confiante de que o número final ficaria entre 50 mil a 60 mil mortos, embora mais tarde tenha previsto até 110 mil mortes, um número que também já foi largamente ultrapassado.

O Instituto de Métricas e Avaliação da Saúde da Universidade de Washington estima que até à altura em que Trump deixar a Casa Branca, a 20 de janeiro, 385 mil pessoas terão morrido, com o número a subir para 470 mil a 01 de março.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.519.213 mortos resultantes de mais de 65,8 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência de notícias France-Presse (AFP).

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

JMC // JMC

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Trump pode ser detido esta terça-feira

O ex-presidente norte-americano Donald Trump enfrenta uma série de ações judiciais e investigações, mas é o caso de alegados pagamentos a uma atriz pornográfica que poderá levar a uma acusação sem precedentes na história do país.

Compra do Credit Suisse pelo UBS pode resultar na perda de 40 mil postos de trabalho

A compra do Credit Suisse pelo UBS pode resultar na perda de milhares de postos de trabalho. O Financial Times admite que os cortes possam mesmo chegar aos 40 mil trabalhadores.

Registado sismo de 6,5 no Afeganistão

Um sismo de magnitude 6,5 na escala de Richter foi resgatado, esta terça-feira, em partes do Afeganistão, Paquistão e Índia.