Morreu o treinador Vítor Oliveira aos 67 anos

| Desporto
Porto Canal com Lusa

Vítor Oliveira, treinador com uma longa carreira no futebol português, morreu hoje, aos 67 anos, depois de se sentir indisposto enquanto caminhava na zona de Matosinhos, confirmou à agência Lusa fonte próxima da família.

O ex-jogador e treinador, que estava sem clube desde que orientou o regresso do Gil Vicente à I Liga na época passada, foi assistido no local e transportado para o Hospital Pedro Hispano, mas acabou por não resistir.

Entre 1978 e 2020, Vítor Oliveira comandou Famalicão, Portimonense, Maia, Paços de Ferreira, Gil Vicente, Vitória de Guimarães, Académica, União de Leiria, Sporting de Braga, Belenenses, Rio Ave, Moreirense, Leixões, Trofense, Desportivo das Aves, Arouca, União da Madeira, Desportivo de Chaves e Paços de Ferreira.

Natural de Matosinhos, Vítor Oliveira representou Leixões, Paredes, Famalicão, Sporting de Espinho, Sporting de Braga e Portimonense como futebolista, tendo ficado conhecido como o 'rei das subidas', já como treinador, ao festejar 11 promoções em 18 presenças na II Liga.

 

+ notícias: Desporto

FC Porto começa a Liga de Basquetebol em casa

Será no Dragão Arena, diante do CAB Madeira, que a equipa de basquetebol do FC Porto iniciará a participação em mais uma edição do campeonato nacional. O sorteio realizado na tarde desta terça-feira no Pavilhão Multiusos de Odivelas ditou ainda que os azuis e brancos têm os primeiros clássicos agendados para as jornadas três e nove - quando recebem o Benfica e o Sporting. Na derradeira ronda da fase regular os portistas viajam até Ovar.

Uma época de vitórias para o FC Porto. Eis o 'ano do Dragão' - em constante atualização

No andebol, o FC Porto conquistou a Supertaça logo em setembro e em maio voltaram a erguer o troféu de campeão nacional, 23.º título de campeão da história do andebol portista.

Jorge Nuno Pinto da Costa: "Quanto mais o FC Porto vence, quanto mais títulos conquista, cada vez serão menores as notícias e os apontamento sobre isso"

Na entrega da Taça de Campeões Europeus de Bilhar ao Museu do FC Porto, o Presidente dos Azuis e Brancos referiu que "quanto mais o FC Porto vence, quanto mais títulos conquista, cada vez serão menores as notícias e os apontamento sobre isso".