Info

Covid-19: Mais uma morte e 63 novos infetados em Moçambique

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Maputo, 18 nov 2020 (Lusa) - Mais uma pessoa morreu vítima da covid-19 em Moçambique, elevando o número de óbitos para 119, havendo ainda mais 63 novos casos do novo coronavírus, anunciou hoje o Ministério da Saúde.

A vítima mortal, um moçambicano de 62 anos, estava internada numa unidade hospitalar da cidade de Maputo, onde faleceu, na terça-feira, após "agravar-se o seu estado de saúde", refere-se no comunicado de atualização de dados sobre a covid-19.

Com os 63 novos casos anunciados hoje, Moçambique contabiliza um cumulativo de 14.629 infeções, das quais 14.322 são de transmissão local e 307 são importadas.

As autoridades de saúde informaram que mais 108 pessoas foram dadas como recuperadas da doença, elevando o total para 12.754 (87%), enquanto há um cumulativo de 565 pessoas internadas.

Dos casos ativos no país, a cidade de Maputo, capital, continua a registar mais casos, com 1.397, seguida da província de Cabo Delgado, com 187, e as restantes províncias tem menos de 40 casos ativos.

Desde o anúncio da primeira infeção em Moçambique, em 22 de março, foram testados cumulativamente 214.935 pessoas suspeitas, 1.820 nas últimas 24 horas.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.339.130 mortos resultantes de mais de 55,6 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

LYN // VM

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Cientistas descobrem anticorpos que podem neutralizar as variantes da Covid-19

Uma equipa internacional de cientistas descobriu anticorpos que podem neutralizar as variantes da Covid-19, incluindo esta última variante Ómicron, um estudo que foi desenvolvido por cientistas da Escola de Medicina da Universidade de Washington, nos EUA

Covid-19: Secretário de Estado do Vaticano e seu 'número dois' testam positivo

Cidade do Vaticano, 18 jan 2022 (Lusa) - O secretário de Estado do Vaticano, cardeal Pietro Parolin, e o seu 'número dois', arcebispo Edgar Peña Parra, testaram positivo para o novo coronavírus e estão em isolamento, informou hoje o Vaticano.

Ucrânia: Rússia desloca forças para exercícios conjuntos na Bielorrússia

Moscovo, 18 jan 2022 (Lusa) -- A Rússia deslocou tropas do extremo leste do país para a Bielorrússia, onde vão participar em exercícios militares, indicaram hoje responsáveis oficiais, o que implica uma nova concentração de tropas junto das fronteiras ucranianas.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.