Info

Covid-19: Japão regista recorde com mais de 2.000 novas infeções em 24 horas

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Tóquio, 18 nov 2020 (Lusa) - O Japão registou mais de 2.000 novas infeções do novo coronavírus nas últimas 24 horas, o maior número até agora e que confirma que uma terceira vaga de covid-19 que afeta Tóquio e outras regiões do país.

As autoridades japonesas registaram 2.189 infeções pelo SARS-CoV-2 nas últimas 24 horas, de acordo com dados da rede pública NHK, que antecipam os números que serão divulgados oficialmente horas depois pelo Ministério da Saúde japonês.

Este número supera o recorde de infeções que havia sido alcançado no último sábado, de 1.736 contágios.

Os números nacionais foram conhecidos logo após a divulgação do último número de infeções diárias em Tóquio, que registou 493 casos e também estabeleceu um novo recorde de infeções para a região da capital.

Segundo o último balanço oficial no Japão, país com cerca de 126 milhões de habitantes, cerca de 122 mil pessoas foram infetadas pelo SARS-CoV-2 e 1.933 pessoas já morreram.

A terceira vaga acontece após uma primeira vaga entre abril e maio, durante a primeira fase de disseminação das infeções em todo o território japonês, e a segunda registada em agosto, com maior número de infetados e menor em termos de mortes.

Os novos dados são conhecidos quando os 'media' apontam para a possibilidade de, nas próximas horas, o Governo de Tóquio aumentar o nível de alerta na cidade e limitar o horário de bares e restaurantes, entre outras medidas.

Outra das áreas mais afetadas pela nova onda é a ilha de Hokkaido, no norte, em cuja cidade principal, Sapporo, as autoridades recomendaram que os cidadãos fiquem em casa até ao final do mês, exceto para deslocamentos essenciais.

O Japão esteve sob restrições sociais entre abril e maio, como parte do estado de emergência sanitária aprovado pelo Governo japonês, mas o alerta foi levantado em 25 de maio e desde então tem havido um relaxamento progressivo das restrições.

CSR // FPA

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Cientistas descobrem anticorpos que podem neutralizar as variantes da Covid-19

Uma equipa internacional de cientistas descobriu anticorpos que podem neutralizar as variantes da Covid-19, incluindo esta última variante Ómicron, um estudo que foi desenvolvido por cientistas da Escola de Medicina da Universidade de Washington, nos EUA

Covid-19: Secretário de Estado do Vaticano e seu 'número dois' testam positivo

Cidade do Vaticano, 18 jan 2022 (Lusa) - O secretário de Estado do Vaticano, cardeal Pietro Parolin, e o seu 'número dois', arcebispo Edgar Peña Parra, testaram positivo para o novo coronavírus e estão em isolamento, informou hoje o Vaticano.

Ucrânia: Rússia desloca forças para exercícios conjuntos na Bielorrússia

Moscovo, 18 jan 2022 (Lusa) -- A Rússia deslocou tropas do extremo leste do país para a Bielorrússia, onde vão participar em exercícios militares, indicaram hoje responsáveis oficiais, o que implica uma nova concentração de tropas junto das fronteiras ucranianas.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.