Info

Covid-19: Brasil atinge 5.9 milhões de infetados e totaliza 166.699 mortes

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Brasília, 17 nov 2020 (Lusa) - O Brasil ultrapassou hoje a barreira dos 5.9 milhões de casos de covid-19 (5.911.758) e totaliza 166.699 óbitos devido ao novo coronavírus, informou o Ministério da Saúde brasileiro.

Desse total, 685 óbitos e 35.294 novos casos foram contabilizados nas últimas 24 horas, momento em que a taxa de letalidade da covid-19 no país está fixada em 2,8%.

São Paulo (1.178.075), Minas Gerais (385.427), Bahia (375.374) e Rio de Janeiro (330.009) são os estados brasileiros que totalizam maior número de infeções.

Já as unidades federativas com mais mortes são São Paulo (40.749), Rio de Janeiro (21.474), Minas Gerais (9.531) e Ceará (9.448).

A taxa de transmissão do novo coronavírus no Brasil, país lusófono mais afetado pela pandemia e um dos mais atingidos no mundo, voltou a subir, segundo dados da Imperial College London, referência no acompanhamento de epidemias.

O índice registado no país sul-americano é agora de 1,10, ou seja, cada 100 infetados transmitem o vírus para outros 110 que, por sua vez, o transmitem para mais 109, reduzindo progressivamente o alcance da doença.

A taxa de contágio é um dos principais referenciais para acompanhar a evolução epidemiológica da covid-19, e mostram agora um aumento nesse indicador no Brasil, após várias semanas de queda.

Na semana passada, o Imperial College London indicou que o Brasil atingiu o menor valor desde abril: 0,68.

No Brasil, 5.361.592 cidadãos diagnosticados já recuperaram da doença e 383.467 pacientes infetados encontram-se sob acompanhamento médico.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.328.048 mortos resultantes de mais de 55 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

MYMM // RBF

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Cientistas descobrem anticorpos que podem neutralizar as variantes da Covid-19

Uma equipa internacional de cientistas descobriu anticorpos que podem neutralizar as variantes da Covid-19, incluindo esta última variante Ómicron, um estudo que foi desenvolvido por cientistas da Escola de Medicina da Universidade de Washington, nos EUA

Ucrânia: Moscovo exige à UE "garantias juridicamente vinculativas" sobre NATO

Moscovo, 18 Jan 2022 (Lusa) - O vice-ministro dos Negócios Estrangeiros russo, Sergei Ryabkov, reiterou hoje ao secretário-geral adjunto do Serviço Europeu de Ação Externa (EEAS), Enrique Mora, a exigência de "garantias de segurança juridicamente vinculativas" quanto à presença da NATO no leste europeu.

Ucrânia: Blinken defende "via diplomática" durante telefonema com Moscovo

Washington, 18 jan 2022 (Lusa) -- O secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, defendeu hoje uma "via diplomática" para encerrar a crise entre a Rússia e a Ucrânia, durante um telefonema com o ministro dos Negócios Estrangeiros russo, Serguei Lavrov.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.