Info

Covid-19: Angola com mais 227 casos e uma morte nas últimas 24 horas

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Luanda, 28 out 2020 (Lusa) -- Angola registou 227 infeções pelo novo coronavírus e uma morte nas últimas 24 horas, anunciou hoje o responsável para a Saúde Pública de Angola, Franco Mufinda, totalizando o país 9.871 infetados e 271 mortos desde o início da pandemia.

Os novos casos foram detetados nas províncias de Luanda (155), Namibe (37), Malange (18), Benguela (14) e Huíla (03), tendo idades compreendidas entre 01 e 81 anos, afirmou o secretário de Estado durante o balanço epidemiológico diário para atualização dos dados relativos à covid-19.

Destes, 141 são do sexo masculino e 86 do sexo feminino.

A vítima mortal tinha 68 anos de idade.

O secretário de Estado Franco Mufinda acrescentou que há mais 117 recuperações face aos dados apresentados na segunda-feira, tendo 115 sido registadas em Luanda e as outras duas em Benguela.

Angola contabiliza um total de 9.871 infetados, com 3.647 recuperados, 271 óbitos e 5.356 doentes ativos, incluindo 14 em estado crítico, 31 graves, 135 moderados e 417 leves.

Nas últimas 24 horas foram processadas 1.604 amostras, num total acumulado de 148.883 amostras processadas.

Em declarações à Televisão Pública de Angola (TPA), Franco Mufinda confirmou a existência de infetados entre os manifestantes em julgamento por crimes de desobediência civil.

"Nós confirmamos, de facto, que há sim uma pessoa infetada entre os detidos e, nesse grupo que aceitou testar, houve um pedido voluntário" que pediu para ser testado, tendo tido também um resultado positivo na despistagem à covid-19.

"Temos duas pessoas, pelo menos, na ocorrência de dia 25 (...), sendo que um faz parte dos detidos", apontou o secretário de Estado angolano.

Segundo a mesma fonte, dos mais de cem detidos, após a manifestação de sábado, em Luanda, apenas 74 foram testados à covid-19, com 30 destes a recusarem fazer o teste, alegando manipulação dos resultados.

Em África, há 41.609 mortos confirmados em mais de 1,7 milhões de infetados em 55 países, segundo as estatísticas mais recentes sobre a pandemia no continente.

Angola é o país africano com o português como língua oficial com mortos devido à covid-19: regista 271 óbitos e 9.871 casos, seguindo-se Cabo Verde (94 mortos e 8.472 casos), Moçambique (89 mortos e 12.273 casos), Guiné Equatorial (83 mortos e 5.083 casos), Guiné-Bissau (41 mortos e 2.413 casos) e São Tomé e Príncipe (15 mortos e 941 casos).

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,1 milhões de mortos e mais de 43,5 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

JYO // JH

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Cientistas descobrem anticorpos que podem neutralizar as variantes da Covid-19

Uma equipa internacional de cientistas descobriu anticorpos que podem neutralizar as variantes da Covid-19, incluindo esta última variante Ómicron, um estudo que foi desenvolvido por cientistas da Escola de Medicina da Universidade de Washington, nos EUA

Pfizer aprova o primeiro comprimido contra a doença

A autoridade norte-americana da saúde, a Food and Drug Administration, aprovou esta quinta-feira o uso do comprimido da Pfizer contra covid-19, o primeiro tratamento oral nos EUA para combate à doença

Ministro francês das Finanças considera "obsoletas" regras da divida pública da UE

Paris, 16 jan 2022 (Lusa) -- O ministro francês das Finanças, Bruno Le Maire, considerou hoje "obsoletas" as regras da União Europeia (UE) que regem a dívida pública e o défice orçamental dos Estados-membros.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS