Covid-19: Itália com 4.458 infetados nas últimas 24 horas

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Roma, 08 out 2020 (Lusa) -- Itália registou 4.458 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, o maior aumento desde 11 de abril, quando foram contados 4.694, segundo os dados divulgados hoje pelo Ministério da Saúde italiano.

O país conta agora um total de 338.398 infetados desde que foram registados os primeiros casos do novo coronavírus a 21 de fevereiro.

Os dados de hoje confirmam a tendência de aumento do número de contágios que preocupa as autoridades.

Nas últimas 24 horas registaram-se também 22 mortes relacionadas com a covid-19, o que faz subir o balanço total no país para os 36.083 mortos.

Aumentou ainda o número de hospitalizados, mais 164, e o dos que se encontram nos cuidados intensivos, mais 21 que na quarta-feira.

A situação da epidemia levou o governo italiano a aprovar na quarta-feira um decreto determinando o uso da máscara também ao ar livre e a prorrogar o estado de emergência, que terminava a 15 de outubro, até 31 de janeiro de 2021.

Quarta-feira à noite, o Governo aprovou um decreto que estabelece a obrigação de usar sempre a máscara, também ao ar livre, e o estado de emergência também foi prorrogado até 31 de janeiro de 2021, visto que expirou em 15 de outubro.

A pandemia de covid-19, transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro na China, já provocou mais de um milhão e cinquenta e sete mil mortos e mais de 36,2 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço da agência France-Press.

 

PAL // EL

Lusa/fim

+ notícias: Mundo

Johnson & Johnson suspende venda de pó de talco para bebés em todo o mundo em 2023

A Johnson & Johnson vai suspender em 2023 a venda do pó de talco para bebés em todo o mundo, após milhares de reclamações sobre a segurança do produto, suspenso já há dois anos nos Estados Unidos e Canadá.

Morreu o cartoonista francês Jean-Jacques Sempé, autor de "O Menino Nicolau"

O cartoonista francês Jean-Jacques Sempé, conhecido pelas suas ilustrações em "O Menino Nicolau" e pelos seus desenhos humorísticos nos jornais, morreu hoje aos 89 anos, confirmou a sua mulher, Martine Gossieaux Sempé, à agência de notícias AFP.

Julho foi dos meses mais quentes jamais registados no mundo

O mês passado foi um dos julhos mais quentes jamais registados no mundo, indicou, esta terça-feira, a Organização Meteorológica Mundial (OMM), uma agência especializada da Organização das Nações Unidas (ONU) com sede em Genebra.