Info

Hospital de Braga põe termo a discriminação salarial de 1.571 trabalhadores

| Norte
Porto Canal com Lusa

O salário de 1.571 trabalhadores do Hospital de Braga vai crescer já a partir de novembro, devido à adesão aos acordos coletivos de trabalho (ACT), hoje assinados pela instituição com as diferentes estruturas sindicais.

Segundo fonte do hospital, em causa estão 805 profissionais das carreiras gerais, 657 enfermeiros, 99 técnicos superiores de diagnóstico e terapêutica e 10 farmacêuticos.

Os sindicatos vinham reivindicando, há mais de um ano, a assinatura dos ACT para acabar com o que classificavam de “inadmissível discriminação” salarial daqueles trabalhadores.

A reivindicação começou desde que, em 01 de setembro de 2019, a gestão do Hospital de Braga passou do Grupo Mello Saúde para a esfera pública.

Sem a adesão aos ACT, aqueles 1.571 profissionais mantiveram-se com os salários que tinham, o que provocava desigualdades com outros que prestavam exatamente o mesmo serviço.

Segundo o presidente do Conselho de Administração do hospital, João Porfírio Oliveira, aqueles profissionais estavam a ser prejudicados, em média, em valores entre os 100 e os 200 euros.

“O Conselho de Administração empenhou-se afincadamente, desde o início, nesta matéria, para garantir maior equidade entre os profissionais”, referiu, na cerimónia de assinatura do acordo com os sindicatos.

O responsável disse que não serão pagos retroativos mas sublinhou que as atualizações salariais acontecerão já com o salário de novembro, altura em que é pago o subsídio de natal.

“É, por isso, duplamente importante a assinatura agora da adesão aos ACT”, referiu.

Segundo João Porfírio Oliveira, o acordo agora alcançado vai também contribuir para aumentar a “paz social” no hospital e, consequentemente, para uma mais rápida recuperação dos atrasos provocados pela pandemia de covid-19.

O secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, admitiu que este processo “nem sempre foi fácil”, tendo conhecido “avanços, recuos e aproximações”, mas congratulou-se com o desfecho.

+ notícias: Norte

Norte Litoral entre os munícpios com mais desemprego e mais atingidos pela pandemia

Os municípios com mais desemprego são os mais afetadas pela pandemia, segundo um estudo da Escola Nacional de Saúde Pública, que mostra que os mais atingidos são sempre os mesmos 20 concelhos, maioritariamente da região norte litoral.

Arrendamento de escritórios cai 17% no Grande Porto em 2020

As áreas arrendadas para escritórios em 2020 diminuíram 29% na Grande Lisboa e 17% no Grande Porto, prevendo a Cushman & Wakefield uma manutenção do abrandamento da procura este ano, com "início de recuperação" no segundo semestre.

Homem colhido mortalmente por comboio em Famalicão

Um homem foi hoje colhido mortalmente por um comboio em Calendário, Vila Nova de Famalicão, disse fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Braga.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.
Zoom Zoom Z o o m