Info

Covid-19: Índia com 1.114 mortos e 94.372 infeções nas últimas 24 horas

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Nova Deli, 13 set 2020 (Lusa) - A Índia registou 1.114 mortes provocadas pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas, além de mais 94.372 casos de covid-19, de acordo com um balanço independente da Universidade Johns Hopkins.

Desde o início da pandemia, o país contabilizou mais de 4,75 milhões de infeções por covid-19, que resultaram em 78.586 mortos.

A Índia é o segundo país do mundo com o maior número de casos no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos, e o terceiro com mais mortos, precedida por aquele país e o Brasil.

A pandemia de covid-19 já provocou pelo menos 916.372 mortos e mais de 28,5 milhões de casos de infeção em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência de notícias France-Presse (AFP).

Em Portugal, morreram 1.860 pessoas dos 63.310 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

PTA // PTA

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Cientistas descobrem anticorpos que podem neutralizar as variantes da Covid-19

Uma equipa internacional de cientistas descobriu anticorpos que podem neutralizar as variantes da Covid-19, incluindo esta última variante Ómicron, um estudo que foi desenvolvido por cientistas da Escola de Medicina da Universidade de Washington, nos EUA

Covid-19: Centro Europeu pede reforço de vacinação para evitar 500 mil internamentos

Bruxelas, 27 jan 2022 (Lusa) -- Metade dos adultos da União Europeia (UE) já recebeu uma dose de reforço da vacina anticovid-19, mas o Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC) pede mais, prevendo que isso evitará cerca de 500 mil internamentos.

EasyJet antecipa "verão forte" com níveis próximos do período pré-pandemia

Londres, 27 Jan 2022 (Lusa) - A companhia aérea britânica easyJet indicou hoje que a flexibilização das regras para viagens internacionais no Reino Unido "fez disparar" as reservas de voos, prevendo um "verão forte" em destinos de praia e lazer, com níveis próximos do pré-pandemia.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.