Covid-19: Colômbia regista 367 mortes e 10.199 novos casos em 24 horas

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Bogotá, 04 ago (Lusa) - A Colômbia registou 367 mortes e 10.199 novos casos da covid-19 nas últimas 24 horas, informou na segunda-feira o Ministério da Saúde colombiano.

Os últimos números elevam o total de mortes para 11.017 e o de casos confirmados para 327.850

Nesta segunda-feira, foram feitos 38.135 testes, elevando o número total de amostras recolhidas no país durante quase cinco meses para 1.685.530, num país com cerca de 50 milhões de habitantes.

Os principais surtos da pandemia continuam a ser Bogotá, com 111.294 casos positivos; Atlântico (54.434), Antioquia (40.927), Valle del Cauca (27.120), Bolívar (19.209), Cundinamarca (10.032), Narino (8.431), Magdalena (7.063), Córdoba (6.941) e Sucre (6.326).

A Colômbia recebeu na segunda-feira dois donativos internacionais, do Governo do Japão e da União Europeia (UE), para reforçar os cuidados de saúde contra a pandemia.

O Governo japonês doou 4,7 milhões de dólares (4 milhões de euros) para a compra de equipamento médico para reforçar a rede hospitalar em 12 dos 32 departamentos do país, enquanto a UE forneceu 500.000 euros em ajuda humanitária a pessoas vulneráveis no departamento da Amazónia, que é habitado principalmente por populações indígenas.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 689 mil mortos e infetou mais de 18,1 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.738 pessoas das 51.569 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

MIM // MIM

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

NASA envia nave para alterar trajeto de asteroide

A NASA, agência espacial norte-americana, vai enviar a sua nave DART numa missão para colidir com um asteróide, no primeiro teste de uma técnica que pode um dia ser necessária para desviar um objeto espacial que ameace colidir com a Terra.

Comissário da Economia insta novo governo italiano a cumprir acordo de Draghi

O comissário europeu de Economia, Paolo Gentiloni, instou esta segunda-feira o futuro Gobierno italiano a respeitar o plano de recuperação acordado entre as autoridades comunitárias e o Executivo de Mario Draghi.

Pelo menos 75 mortos na repressão das manifestações no Irão

Pelo menos 75 pessoas já foram mortas no Irão na repressão das manifestações iniciadas há dez dias pela morte de uma jovem mulher detida pela polícia da moralidade, indicou hoje a ONG anti-regime Iran Human Rights (IHR), sediada em Oslo.