Info

Covid-19: Neste momento "não faz qualquer sentido" cordão sanitário no Porto 

Covid-19: Neste momento "não faz qualquer sentido" cordão sanitário no Porto 
| Norte
Porto Canal com Lusa

O secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, afirmou hoje que neste momento "não faz qualquer sentido" decretar um cordão sanitário no Porto.

"No caso concreto do Porto, não houve qualquer indicação da autoridade de Saúde nesse sentido [estabelecimento de cordão sanitário] e, portanto, não faz qualquer sentido essa situação", disse Lacerda Sales na conferência de imprensa diária para atualizar informação sobre a pandemia de covid-19 em Portugal.

O secretário de Estado adiantou que uma decisão de estabelecimento de um cordão sanitário terá sempre de ser sustentada pela avaliação de risco feita pela autoridade de saúde.

A diretora-geral da Saúde, Graça Freitas disse na segunda-feira que a decisão de impor uma cerca sanitária na região do Porto estava a ser equacionada "e provavelmente hoje (segunda-feira) será tomada uma decisão nesse sentido, a ser equacionada entre as autoridades de saúde regionais e as autoridades de saúde nacionais e o Ministério da Saúde".

Segundo o boletim epidemiológico de segunda-feira, o concelho do Porto registava 941 casos confirmados ao final do dia de domingo, um aumento de 524 casos em relação ao dia anterior.

Durante a conferência de imprensa, o subdiretor-geral da Saúde, Diogo Cruz, admitiu a duplicação de alguns casos registados no primeiro boletim, mas questionado pela Lusa sobre a duplicação de casos no contexto específico do concelho do Porto, o secretário de Estado António Lacerda Sales não confirmou números.

“Em relação ao Porto, neste momento não faz qualquer sentido colocar-se essa situação, independentemente da duplicação”, sublinhou o secretário de Estado, não adiantando se esta situação se verificou ou não.

+ notícias: Norte

Mau tempo provoca queda de árvore na estação de metro de Rio Tinto, Gondomar. A circulação está cortada

O mau tempo, que se faz sentir esta sexta-feira, levou à queda de uma árvore de grande porte na estação de metro de Rio Tinto, Gondomar, e provocou danos no cabos elétricos e cortou a circulação da linha, apurou o Porto Canal. 

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS

D'Mais

Alimentos que fortalecem a imunidade...