Covid-19: Presidente do COI diz que Tóquio2020 foi adiado para "proteger vidas"

| Desporto
Porto Canal com Lusa

Lausana, Suíça, 24 mar 2020 (Lusa) -- O presidente do Comité Olímpico Internacional (COI), o alemão Thomas Bach, afirmou hoje que os Jogos Olímpicos de Tóquio2020 foram adiados para 2021 como uma forma de "proteger vidas", devido à pandemia de Covid-19.

"As consequências financeiras do adiamento não foram discutidas e não são a prioridade. Isto (adiamento) é para proteger vidas", afirmou Thomas Bach, numa conferência de imprensa efetuada através de videoconferência com vários meios de comunicação.

O dirigente máximo do COI explicou que as novas datas serão brevemente "discutidas pela Comissão de Coordenação e pelo Comité Organizador dos Jogos Olímpicos de Tóquio", embora tudo aponte que a competição se realize, no máximo, até ao verão do próximo ano.

Os Jogos Olímpicos Tóquio2020 foram adiados para 2021, devido à pandemia da Covid-19, anunciaram hoje o Comité Olímpico Internacional (COI) e o Comité Organizador dos Jogos, em comunicado.

"Nas presentes circunstâncias e baseado nas informações dadas hoje pela Organização Mundial de Saúde, o presidente do COI [Thomas Bach] e o primeiro-ministro do Japão [Shinzo Abe] concluíram que os Jogos da XXXII Olimpíada em Tóquio devem ser remarcados para uma dar posterior a 2020 e nunca depois do verão de 2021", lê-se no comunicado.

Esta decisão foi, de acordo com o mesmo documento, tomada "para salvaguardar a saúde dos atletas, de toda a gente envolvida nos Jogos Olímpicos e de comunidade internacional".

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 386 mil pessoas em todo o mundo, das quais cerca de 17.000 morreram.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Vários países adotaram medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena e o encerramento de fronteiras.

Em Portugal, há 30 mortos e 2362 infetados confirmados. Portugal encontra-se em estado de emergência desde as 00:00 de quinta-feira e até às 23:59 de 02 de abril.

LG // AJO

Lusa/fim

+ notícias: Desporto

FC Porto defronta o RK Zagreb no terceiro jogo da EHF Champions League

A equipa portista de andebol procura conquistar os primeiros pontos na prova europeia no jogo desta quarta feira na Croácia contra o RK Zagreb.

Seixas da Costa condenado por difamar Sérgio Conceição

Francisco Seixas da Costa foi esta segunda-feira condenado por difamação agravada. Em causa, um tweet publicado a 31 de março de 2009, em que o antigo embaixador chamava “javardo” a Sérgio Conceição. A juíza considera que “não foi mera crítica" e que Seixas da Costa "quis rebaixar” o treinador dos Dragões, tendo atingido o seu bom nome. Seixas da Costa terá de pagar 2.200 euros de multa e 6.000 euros a título de indemnização.

Três adeptos do Estoril fora dos estádios por intolerância no jogo Estoril Praia-FC Porto

Os três adeptos do Estoril Praia acusados de intolerância com apoiantes do FC Porto estão impedidos de entrar em estádios, devido aos incidentes no encontro entre os dois clubes para a I Liga de futebol, do dia 16 de setembro.