Guerra na Ucrânia - Clique aqui e veja os pontos essenciais
Info

Covid-19: Festival Eurovisão da Canção em Roterdão cancelado

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Redação, 18 mar 2020 (Lusa) -- A edição deste ano do festival Eurovisão da Canção, que iria decorrer em maio, em Roterdão, nos Países Baixos, foi cancelada, anunciou hoje a organização.

Num comunicado divulgado nas redes sociais do evento, a organização, a cargo da União Europeia de Radiodifusão, refere que, ao longo das últimas semanas, foram "exploradas várias opções alternativas que permitissem que o concurso fosse por diante", mas a "incerteza gerada pela transmissão da doença Covid-19 pela Europa -- e as restrições postas em prática pelos governos dos participantes e pelas autoridades holandesas -- fez com que fosse tomada a difícil decisão de que é impossível continuar com o evento ao vivo como planeado".

No mesmo comunicado, a organização refere que vão ser mantidas discussões entre todas as partes envolvidas, incluindo a cidade de Roterdão, sobre o local de acolhimento do evento em 2021.

A 65.ª edição do Festival Eurovisão da Canção deveria realizar-se entre 12 e 16 de maio. As semifinais estavam marcadas para os dias 12 e 14 e a final para o dia 16.

Os representantes dos 41 países participantes, Portugal incluído, já estavam escolhidos.

O tema que iria representar Portugal -- "Medo de Sentir" (composto por Marta Carvalho e interpretado por Elisa) - foi escolhido em 07 de março, na final do Festival da Canção, que decorreu em Elvas.

Marta Carvalho, numa publicação partilhada na sua página oficial na rede social Facebook, depois do anúncio do cancelamento, salientou que a decisão foi feita "pelo bem de toda a comunidade, e pela saúde de todos".

"Mesmo assim, Portugal teve o seu próprio Festival da Canção, que para mim, tem mais valor. É o meu país. Obrigada a todos pelo apoio a esta canção. Acompanhem o trabalho da maravilhosa Elisa. Ela merece. Por aqui, tudo continua. Porque nada, mas mesmo nada, pode parar o que viemos ao mundo para fazer. Música", lê-se na mensagem.

Portugal participou no Festival Eurovisão da Canção pela primeira vez em 1964, tendo entretanto falhado cinco edições (em 1970, 2000, 2002, 2013 e 2016).

Entre 2004 e 2007, inclusive, e em 2011, 2012, 2014, 2015 e 2019, Portugal falhou a passagem à final.

Portugal venceu pela primeira vez o Festival Eurovisão da Canção em 2017, com o tema "Amar pelos dois", interpretado por Salvador Sobral e composto por Luísa Sobral. Na sequência da vitória, Lisboa acolheu o concurso no ano seguinte, por uma única vez, até agora.

TDI/JRS (HYT) // MAG

Lusa/fim

+ notícias: Mundo

Putin ameaça com ataques "relâmpago" em caso de intromissão estrangeira

O Presidente russo, Vladimir Putin, ameaçou hoje que responderá com um ataque "relâmpago" a qualquer ingerência estrangeira na Ucrânia, onde está há dois meses em curso uma guerra desencadeada pela invasão do exército russo.

Pelo menos nove civis mortos por bombardeamentos russos no leste e sul da Ucrânia

Pelo menos nove civis morreram hoje na sequência de bombardeamentos do exército russo no leste e sul da Ucrânia, anunciaram as autoridades locais. De acordo com informações do governador da região de Lugansk (leste da Ucrânia), Sergey Gadai, três civis morreram debaixo de escombros de um prédio atingido por um bombardeamento na cidade de Popasna, para onde tinham fugido a fim de, segundo a mesma fonte, "se proteger de mísseis russos".

Um outro bombardeamento, que atingiu a cidade de Kharkiv (também no leste), a segunda maior da Ucrânia, matou três pessoas e deixou sete feridas, duas delas com gravidade, anunciou o governador regional, Oleg Synegoubov, apelando aos moradores para terem "muito cuidado e, se possível, não saírem dos abrigos".

Outros dois civis foram mortos e seis ficaram feridos na região de Donetsk, segundo o governador, Pavlo Kyrylenko.

NATO: Ministra da Defesa acredita que oposição turca a adesão de Suécia e Finlândia será ultrapassada

Bruxelas, 17 mai 2022 (Lusa) -- A ministra da Defesa, Helena Carreiras, disse hoje acreditar que os obstáculos colocados pela Turquia à adesão de Suécia e Finlândia à NATO serão ultrapassados, afirmando que essa é a convicção geral entre todos os Estados-membros.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS

N'Agenda

Festivais - Soam as guitarras