Info

Covid-19: "Esta é uma luta pela nossa própria sobrevivência"

Covid-19: "Esta é uma luta pela nossa própria sobrevivência"
| Política
Porto Canal com Lusa

O primeiro-ministro, António Costa, avisou esta quinta-feira que no coronavírus está em causa a "luta pela nossa própria sobrevivência" e que o surto "ainda não atingiu o seu pico", podendo ser mais duradouro do que se estimou.

"Esta é uma luta pela nossa própria sobrevivência, pela proteção da saúde dos portugueses e estamos todos juntos nesta luta", dramatizou António Costa, numa declaração na residência oficial, em Lisboa, depois de uma ronda de reuniões com todos os partidos com assento parlamentar sobre as medidas que o Governo vai adotar no combate ao Covid-19.

Para o primeiro-ministro, é preciso "assumir e partir do princípio que esta pandemia no continente europeu, e, designadamente em Portugal, ainda não atingiu o seu pico".

"Pelo contrário, está em fase de evolução de modo que é muito provável que nas próximas semanas mais doentes venham a ser contaminados, porventura com mais graves consequências para a sua saúde e para a sua própria vida e que este possa ser um surto mais duradouro do que se possa ter estimado inicialmente", admitiu.

Por isso, António Costa reiterou que se deve "desejar o melhor", mas todos têm que "estar preparados para o pior".

"Aquela que é a maior responsabilidade de cada um de nós é cuidar do outro", apelou, insistindo na necessidade de respeitar as regras de higiene e limitar "ao máximo o nível de circulação e contacto social".

No final desta declaração, o primeiro-ministro seguiu para a Presidência do Conselho de Ministros, onde prossegue a reunião do executivo - suspensa ao final desta manhã - e da qual sairão as medidas, em parte já anunciadas por António Costa, para combate ao novo coronavirus.

+ notícias: Política

Rui Rio lamenta que juízes achem "desprestigiante" a deslocalização do Tribunal Constitucional 

O Presidente do PSD, Rui Rio, lamentaque a maioria dos juízes do Tribunal Constitucional achem "desprestigiante" a sua deslocalização. 

Sérgio Aires alerta para a "pouca sensibilidade" sobre a qualidade do ar

Sérgio Aires, candidato do Bloco de Esquerda à Câmara Municipal do Porto, esteve em campanha eleitoral, durante a passada quarta-feira e, depois de reunir com o Presidente do Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto, disse em declarações ao Porto Canal, que "ainda existe pouca sensibilidade sobre a qualidade do ar" e, que "é preciso dar outra transparência para fora das salas da Câmara Municipal". 

Vladimiro Feliz quer reverter a remodelação do Museu Romântico do Porto

Vladimiro Feliz, candidato do PSD à Câmara Municipal do Porto, esteve em campanha eleitoral nas ruas da cidade do Porto e, em declarações ao Porto Canal, disse que "quer reverter a remodelação do Museu Romântico do Porto" e, acrescentou ainda que "o Porto que quer para os Portuenses, é uma cidade não só para aqueles que já vivem lá, mas também trazer de volta". 

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS