Info

Pinto da Costa: "Mais do que racismo, foi uma prova de estupidez"

| FC Porto
Porto Canal com fcporto.pt

Jorge Nuno Pinto da Costa falou, pela primeira vez, acerca dos atos racistas de que Moussa Marega foi alvo durante o encontro entre o Vitória de Guimarães e o FC Porto, no passado domingo. O presidente portista disse, numa primeira instância, condenar os atos racistas, assim como a grande maioria das pessoas, a avaliar pela quantidade de mensagens de apoio ao jogador que foram surgindo. "Reajo como quase 100% dos portugueses. Descontando o Rui Santos e o André Ventura, acho que toda a gente reagiu da mesma maneira", apontou.

"Há uma questão que eu queria esclarecer. O Marega foi tornado pelo mundo como um herói mas não é por ter tido aquela atitude digna, e que se justifica, que passou a ser importante para nós", assinalou. "No final do ano, muito antes de isto acontecer, o Marega recebeu das minhas mãos o Dragão de Ouro do FC Porto", relembrou o líder máximo dos azuis e brancos.

Pinto da Costa considera que, pela multiculturalidade existente na modalidade, o futebol deve servir como um meio de aglutinação e não de divisão, pelo que finalizou com a seguinte ideia acerca do episódio do Estádio D. Afonso Henriques: "Mais do que racismo, foi uma prova de estupidez".

+ notícias: FC Porto

Eleições do FC Porto adiadas por tempo indeterminado

O processo eleitoral do FC Porto, previsto inicialmente para o dia 18 de abril, vai ser adiado sem data ainda definida, avança o clube no site oficial em Comunicado. José Manuel de Matos Fernandes alargou ainda o prazo para apresentação de candidaturas, que terminaria esta quinta-feira, dia 19 de março.

Nélson Puga: "Jogadores vão fazer perceber às pessoas a importância destas restrições sociais"

Após a suspensão de todas as competições de futebol profissional, a equipa do FC Porto não treinou, esta manhã, no Olival. Nélson Puga, responsável pelo Departamento de Saúde do FC Porto, explicou os procedimentos que foram adotados pelo plantel azul e branco no âmbito do combate e da prevenção do novo coronavírus. "O grupo está a reagir com a consciência cívica que deve ter", começou por esclarecer, antes de aclarar que os atletas "vão poder treinar em suas casas" e "serão monitorizados à distância". O contacto virtual é "permanente" e o fornecimento de alimentação estará garantido: "vamos disponibilizar um serviço para poder fazer chegar refeições para que eles evitem, o mais possível, ter que aceder a espaços exteriores e de contacto, para minimizar riscos de contágio", revelou o médico dos Dragões. Em conclusão, Nélson Puga elucida que o regresso à normalidade "dependerá sempre daquilo que são as recomendações externas".

Sérgio Conceição eleito o melhor treinador de fevereiro

Sérgio Conceição foi eleito o Melhor Treinador da Liga NOS em fevereiro. O técnico do FC Porto arrecadou 23,42% das preferências dos treinadores do principal escalão português.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.