Info

Metro do Porto somou em 2020 pelo menos cinco acidentes

Metro do Porto somou em 2020 pelo menos cinco acidentes
| Norte
Porto Canal com Lusa

A empresa Metro do Porto já contabilizou pelo menos cinco acidentes desde o início de 2020, à média de um por semana, havendo registos nos dias 02, 14, 22 e hoje, nenhum com feridos graves.

O acidente de hoje na estação do Estádio do Mar, em Matosinhos, foi, na contabilidade da Lusa, o quinto verificado e o segundo por atropelamento, depois de a 22 de janeiro, em Francos, também naquele concelho, uma composição ter atingido uma pessoa que ficou com ferimentos leves.

O ano começou com um descarrilamento de uma composição na estação de Campanhã, a 02 de janeiro, que obrigou a que a circulação nas duas vias só fosse retomada às 06:00 do dia seguinte.

O dia 14 acabou por ser o mais complicado para quem circula diariamente entre Gondomar e o Porto, uma vez que nessa data registaram-se duas ocorrências.

A primeira ocorreu pelas 13:00, com a avaria de uma composição dupla na estação 24 de Agosto, no Porto, que condicionou o trânsito na linha F durante algumas horas e, mais tarde, pelas 20:08, entre as estações da Levada e Campainha, em Gondomar.

Aqui, devido a um choque entre um carro que não respeitou o sinal vermelho e uma composição, incidente que apesar aparato e dos danos em ambas as viaturas também não causou feridos.

+ notícias: Norte

Afinal 'El Corte Inglés' no Porto ainda está em cima da mesa

A Câmara Municipal do Porto deu ao El Corte Inglés mais indicações sobre as regras a cumprir para o licenciamento de um terreno na zona da Boavista, no Porto. O Porto Canal sabe que a autarquia ainda não tomou uma posição definitiva sobre o projeto e aguarda que a cadeia espanhola dê uma resposta perante as diretrizes apresentadas. 

PJ deteve suspeito de duplo homicídio em Valpaços

A Polícia Judiciária (PJ) de Vila Real anunciou que deteve hoje um homem de 65 anos suspeito do duplo homicídio que ocorreu no sábado, na aldeia de Avarenta, no concelho de Valpaços.

DIAP de Penafiel acusa 13 pessoas por furto e desmantelamento de veículos

O Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Penafiel deduziu acusação contra 13 pessoas por furto e desmantelamento de automóveis para venda das peças e para reconstrução de veículos acidentados, anunciou hoje a Procuradoria Regional do Porto.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.