Governo quer colmatar "o mais rápido possível" as dificuldades na descentralização

| Política
Porto Canal com Lusa

Coimbra, 14 jan 2020 (Lusa) -- A ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública salientou hoje, em Coimbra, que o roteiro da descentralização do Governo serve para ouvir as dificuldades dos autarcas e para as colmatar o "mais rápido possível".

No final de uma reunião com a Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra, Alexandra Leitão referiu que a transferência de infraestruturas e de funcionários no setor da Educação, além dos acertos de verbas, foi a dificuldade mais salientada pelos autarcas hoje presentes no encontro.

Aos jornalistas, a governante disse ainda que o Governo está a trabalhar para cumprir o calendário definido para a descentralização e para que o processo seja "participado e por vontade".

AMV/SSS // MCL

Lusa/fim

+ notícias: Política

Presidente da República lembra "grau de solidariedade única" dos portugueses em visita ao Banco Alimentar

O Presidente da República de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, lembrou este sábado o “grau de solidariedade único” dos portugueses, num país com um “número muito elevado” de pessoas em situação ou em risco de pobreza alimentar.

Orçamento tem de ser "elástico para permitir vários cenários", considera Presidente da República

O Presidente da República considerou este sábado que o Orçamento do Estado tem de ser "elástico para permitir vários cenários" e apontou que "é preciso ir reajustando" a sua aplicação, uma vez que "há tanta incógnita" em relação ao futuro.

Presidente da República diz que Fernando Gomes "marcou o futebol português"

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, considerou este sábado que o antigo avançado internacional português Fernando Gomes, que morreu aos 66 anos, "marcou o futebol português" e "foi determinante na afirmação" do país no estrangeiro.