Info

ICBAS cria escola de formação em suporte básico de vida e desfibrilhação externa

| Norte
Porto Canal com Lusa

Porto, 14 out 2019 (Lusa) - O Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (ICBAS) criou, em parceria com o Conselho Português de Ressuscitação, a Escola de Suporte Básico de Vida e de Desfibrilhação Automática Externa que visa "formar e capacitar" pessoal docente e não docente.

"Uma das prioridades da direção do ICBAS era formar todos os funcionários da instituição em suporte básico de vida e desfibrilhação automática externa", afirmou hoje, em declarações à agência Lusa, o diretor do ICBAS.

Segundo Henrique Cyrne Carvalho, esta escola surge da necessidade de "criar metodologias" para que todo o processo, desde manobras de socorro à utilização de equipamentos como o desfibrilhador, seja "feito de forma segura".

"As paragens cardiocirculatórias podem acontecer na rua ou noutro sítio, portanto, é preciso assegurar que, até que chegue o suporte avançado de vida, qualquer um de nós conhece suficientemente os processos de manobra e utilização do equipamento, e assim permitir que o doente é tratado de forma diferenciada", frisou.

O diretor do ICBAS, que frequentou, há cerca de 25 anos, o primeiro curso de formadores em Suporte Avançado e Vida em Portugal (organizado pelo UK Resuscitation Council), salientou também a importância de "criar redes de formadores" nestas duas áreas.

"A nossa intenção é formar primeiro o nosso pessoal docente e não docente e, como tudo cresce e a rede se vai alargando, o objetivo é depois exteriorizar a nossa formação às outras unidades orgânicas da Universidade do Porto", afirmou, adiantando existirem já outras instituições interessadas em receber o projeto.

À Lusa, Henrique Cyrne Carvalho adiantou que, futuramente, a intenção do ICBAS é "chegar" às escolas do ensino secundário, mais concretamente, aos alunos do 10º, 11º e 12º ano, mas também professores e restantes funcionários.

A assinatura do protocolo, que celebra o arranque deste projeto e junta o ICBAS e o Conselho Português de Ressuscitação, está agendada para quarta-feira, às 12:00, sendo que no mesmo dia, arranca o primeiro curso formativo.

De acordo com o diretor do ICBAS, o curso, que poderá durar entre um ou dois dias (mediante o tema), vai seguir o programa "sistemático" e "padronizado" de certificação nestas duas áreas.

"Parece-me que este projeto poderá ajudar a materializar uma divulgação efetiva destas competências em todas as unidades orgânicas da Universidade do Porto e constituir desta forma o conceito de 'Universidade do Porto, a Universidade que protege a vida'", concluiu.

SPYC // MSP

Lusa/Fim

+ notícias: Norte

Afinal 'El Corte Inglés' no Porto ainda está em cima da mesa

A Câmara Municipal do Porto deu ao El Corte Inglés mais indicações sobre as regras a cumprir para o licenciamento de um terreno na zona da Boavista, no Porto. O Porto Canal sabe que a autarquia ainda não tomou uma posição definitiva sobre o projeto e aguarda que a cadeia espanhola dê uma resposta perante as diretrizes apresentadas. 

PJ deteve suspeito de duplo homicídio em Valpaços

A Polícia Judiciária (PJ) de Vila Real anunciou que deteve hoje um homem de 65 anos suspeito do duplo homicídio que ocorreu no sábado, na aldeia de Avarenta, no concelho de Valpaços.

DIAP de Penafiel acusa 13 pessoas por furto e desmantelamento de veículos

O Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Penafiel deduziu acusação contra 13 pessoas por furto e desmantelamento de automóveis para venda das peças e para reconstrução de veículos acidentados, anunciou hoje a Procuradoria Regional do Porto.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.