Info

Polícia Judiciária detém cidadãos estrangeiros para extradição

Polícia Judiciária detém cidadãos estrangeiros para extradição
| País
Porto Canal com Lusa

A Polícia Judiciária (PJ) informou este sábado que deteve dois cidadãos portugueses, quatro alemães, um romeno e um paquistanês, no cumprimento de mandados de detenção europeus, e que os mesmos se encontram em prisão preventiva a aguardar extradição.

A PJ, através da Unidade de Informação de Investigação Criminal, "desencadeou diferentes operações nas zonas de Lisboa, Porto, Setúbal, Odemira e Beja, com o objetivo de dar cumprimento a mandados de detenção europeus pendentes contra dois cidadãos portugueses, quatro alemães, um romeno e um paquistanês", refere a PJ em comunicado.

Os detidos, com idades entre os 22 e 63 anos, foram presentes aos Tribunais da Relação e estão em prisão preventiva a aguardar desenvolvimentos do processo de extradição até serem entregues às autoridades requerentes, esclarece a Polícia Judiciária.

A PJ adianta ainda na mesma nota que "as detenções resultaram da aplicação dos mecanismos de cooperação policial internacional".

+ notícias: País

Quercus denuncia a existência de uma corrida ao lítio em Portugal

A associação ambientalista Quercus denuncia a existência de uma corrida ao lítio em Portugal. Nos últimos três anos, 79 municípios receberam pedidos de prospecção.

Notas do 9.º ano descem a Português e Matemática volta à positiva

As médias dos alunos do 9.º ano nos exames desceram este ano a Português e a Matemática, voltando a uma média positiva, mas com uma taxa de reprovação ainda a rondar os 30%, segundo dados oficiais hoje divulgados.

Cada português consumiu no ano passado 3,3Kg de açúcar em 60 litros de refrigerante

Cada português consumiu no ano passado 60 litros de refrigerantes, o que equivale a 3,3 quilogramas de açúcar, um valor menor do que no ano anterior, quando começou a ser aplicado o imposto sobre estas bebidas.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.