Guerra na Ucrânia - Clique aqui e veja os pontos essenciais
Info

Prisão preventiva para suspeito de ter matado a mãe em Ribeira de Pena

| Norte
Porto Canal com Lusa

O Tribunal de Vila Pouca de Aguiar decretou esta terça-feira a prisão preventiva para o agricultor de 38 anos suspeito de ter matado a mãe em Bragadas, no concelho de Ribeira e Pena.

Atualizado 10-10-2018 12:22

Fonte judicial disse que o arguido está indiciado pelos crimes de homicídio qualificado e profanação de cadáver.

A mulher de 67 anos foi dada como desaparecida na quinta-feira, ao final da tarde, por um familiar, e nesse mesmo dia a GNR e os bombeiros de Ribeira de Pena iniciaram buscas.

No entanto, devido a um historial de violência doméstica, a GNR suspeitou de um crime e chamou a PJ, que assumiu a investigação do caso.

Hoje, em comunicado, a Unidade Local de Investigação Criminal de Vila Real anunciou que procedeu à identificação e detenção do homem pela presumível autoria dos crimes de homicídio e profanação de cadáver.

Os factos, segundo a PJ, ocorreram na quinta-feira, cerca das 18:30, na berma da Estrada Nacional 312, em Ribeira de Pena.

A Judiciária explicou que, "na sequência de uma discussão por motivo fútil, o suspeito terá agredido sua mãe, provocando-lhe a morte".

Até ao momento não há indicações do corpo ter sido encontrado.

O detido foi presente a interrogatório judicial no Tribunal de Vila Pouca de Aguiar, que decidiu aplicar a medida de coação mais gravosa.

+ notícias: Norte

Ardeu em Viana do Castelo em 5 meses o mesmo que em todo 2021

No distrito de Viana do Castelo já ardeu, desde janeiro, a mesma área que em todo o ano de 2021, tendo sido registados 376 incêndios que consumiram 2.179 hectares, alertou hoje o presidente da Comissão Distrital de Proteção Civil

Bebé sofre queimaduras graves com água a ferver em Vieira do Minho

Um bebé com cerca de dois anos sofreu hoje queimaduras graves ao ser atingido por água a ferver de uma chaleira, em Vieira do Minho, disse fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Braga.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.