Quatro medalhas para canoagem lusa nos Europeus de maratonas

| Desporto
Porto Canal / Agências

Prado, Vila Verde, 09 jun (Lusa) - Portugal concluiu hoje os Europeus de maratonas, em canoagem, com um total de quatro medalhas, que lhe garantiram o quinto lugar da classificação coletiva em Prado, Vila Verde.

Na derradeira jornada, a jovem C2 Rui Lacerca/Samuel Amorim, de 21 e 19 anos, respetivamente, revelou grande potencial frente a adversários muito mais experientes e medalhados, mas, numa prova em constante progressão, ficou-se pelo quarto lugar.

Os vencedores das medalhas de ouro e prata em C1 sub-23 cumpriram os 28,5 quilómetros seniores no Rio Cávado em 1:56.54 horas, a 1.52 minutos do ouro dos campeões europeus e mundiais espanhóis, Oscar Craña e Ramon Ferro.

"De início, não íamos tão bem, mas recuperámos e, no final, ficámos em quarto. (Sendo ainda sub-23 e competindo nos seniores) Serviu para ganharmos experiencia e conjunto. Perante muitos campeões do Mundo, queríamos dar o nosso melhor e procurar o melhor resultado possível", explicou Rui Lacerda.

Para os mundiais, Samuel Amorim espera poder repetir os lugares de topo do pódio com o seu amigo na categoria sub-23 e, em C2, "fazer um resultado igual ou melhor" do que o quarto em seniores.

O pódio ficou completo com uma dupla húngara (a sete segundos) e outra espanhola (a 45), sendo que a segunda equipa lusa, composta pelos irmãos André e José Machado, concluiu no sétimo posto, a 7.45 dos primeiros.

Em K2 feminino, a dupla Joana Sousa/Ana Pimenta partiu mal, desequilibrando-se e saindo em último, mas foi recuperando posições até à quinta final (2:02.35 horas), a 5.06 minutos do ouro inglês: Cristiana Pona sentiu-se mal e a equipa que fazia com Mónica Cunha foi forçada a desistir.

"Tivemos uns percalços no início e, depois, lutámos até ao fim, sem desistir. Arrancámos mal, pois não conseguimos controlar o barco nas ondas, e ficámos em último. Depois, subimos até ao quinto. É primeira vez que competimos juntas em campeonato da Europa", contou Joana Sousa, de 21 anos, resumindo a prova com a companheira, de 18.

No setor masculino, os experientes Nuno Brandão/Nuno Nanita concluíram no sétimo posto, a 2.15 minutos do ouro espanhol e a três segundos do quinto posto, enquanto Alfredo Faria/José Maciel chegaram no lugar imediato, gastando apenas mais quatro segundos.

Portugal terminou a competição com uma medalha de ouro, duas de prata e uma de bronze.

Os Europeus de maratonas juntaram cerca de 400 canoístas de 20 países em Prado, Vila Verde, que a federação vai candidatar a Campeonato do Mundo para 2017.

RBA // PFO

Lusa/Fim

+ notícias: Desporto

FC Porto: Na rotunda, saia nas "meias". Crónica de jogo

O FC Porto foi ao Fontelo eliminar o Académico de Viseu da Taça de Portugal e seguir para as meias-finais da prova rainha. O próximo adversário na competição é o Famalicão, que eliminou a B SAD (4-1). Os duelos com os minhotos estão marcados para a última semana de abril e para a primeira de maio.

Sérgio Conceição: "É mais um objetivo alcançado"

Sérgio Conceição recordou que o FC Porto está nas “meias” da Taça de Portugal “pelo sexto ano consecutivo”

FC Porto (Sub-19): Dragões seguem para os oitavos de final da Youth League

A equipa de Sub-19 do FC Porto está nos oitavos de final da UEFA Youth League depois de bater nesta quarta-feira o Panathinaikos (1-0), no mítico Apostolos Nikolaidis, em Atenas (Grécia), no Play-off da prova. Um golo de Jorge Meireles, já no segundo tempo (71m), deu o triunfo aos Dragões.