A VCI já foi reaberta

A VCI já foi reaberta
| Norte
Porto Canal

A PSP informou que uma das faixas de rodagem da VCI/Porto, sentido Arrábida/Freixo, já foi reaberta ao trânsito e que o camião atravessado na autoestrada foi removido, mas a regularização total da circulação ainda não tem previsões.Em declarações à Lusa, fonte das relações públicas da PSP Porto confirmou que a faixa mais à esquerda da Via de Cintura Interna (VCI) já está reaberta ao trânsito, “embora as restantes continuem fechadas à circulação para SE proceder à limpeza do gasóleo”, não se prevendo ainda qual a hora para que a situação fique “totalmente regularizada”.

Uma colisão registada hoje entre dois veículos ligeiros e um camião, que a seguir se atravessou na autoestrada, obrigou ao corte de todas as faixas de rodagem da VCI do Porto, no sentido Arrábida/Freixo, o que obrigou muitos dos condutores a fazerem “inversão de marcha para poderem seguir viagem.

O acidente entre o veículo pesado e os dois ligeiros foi registado junto ao hospital da Prelada, peLas 07:48, não fez feridos, mas o trânsito da VCI, foi totalmente cortado no sentido Arrábida/Freixo.

Os Sapadores de Bombeiros do Porto estão no local a proceder à limpeza do gasóleo na estrada.

+ notícias: Norte

Siaco fecha portas e deixa uma centena de trabalhadores no desemprego

A fábrica Siaco, que produzia solas e outros componentes para calçado em São João da Madeira, esta segunda-feira, encerrou portas “de surpresa” e sem deixar a documentação de desemprego aos seus mais de 100 trabalhadores, diz o respetivo sindicato.

Mais de 320 mil cigarros apreendidos na Trofa. Introdução fraudulenta no mercado lesa Estado em 54 mil euros

Mais de 320 mil cigarros que se destinavam a ser introduzidos no mercado de forma fraudulenta, prejudicando o Estado em 54 mil euros por falta de pagamento de impostos, foram apreendidos na terça-feira, na Trofa, anunciou esta terça-feira a GNR.

Suspeitos de assaltos num local de encontros sexuais em Matosinhos detidos pela PJ

A Polícia Judiciária (PJ) deteve dois homens suspeitos de integrarem um grupo, cujos outros elementos já haviam sido detidos, que se dedicava a agredir e roubar pessoas num local de encontros sexuais em Matosinhos, anunciou esta terça-feira esta força policial.