Barcelos

Barcelos

Debate Autárquicas - Barcelos

Debate Autárquicas - Barcelos

Candidatos
Candidato

Vasco Santos

MAS - Movimento Alternativa Socialista

Candidato

Miguel Costa Gomes

PS

Candidato

Mário Figueiredo

CDU

Candidato

Mário Constantino

PSD/CDS-PP

Candidato

Domingos Pereira

Independente

Candidato

José ilídio

BE

Recursos de água marcam debate entre os seis candidatos à autarquia de Barcelos

Barcelos

Recursos de água marcam debate entre os seis candidatos à autarquia de Barcelos

Miguel Costa Gomes, Mário Constantino, Domingos Pereira, Mário Figueiredo, Vasco Santos e José Ilídio Torres debateram no Porto Canal vários assuntos preocupantes em Barcelos, nomeadamente os recurso de água, a mobilidade e a construção de um novo hospital.

Domingos Pereira - Promessas

Barcelos - Os candidatos

Domingos Pereira - Promessas

Domingos Pereira - Promessas

Mário Figueiredo - Promessas

Barcelos - Os candidatos

Mário Figueiredo - Promessas

Mário Figueiredo - Promessas

Miguel Costa Gomes - Promessas

Barcelos - Os candidatos

Miguel Costa Gomes - Promessas

Miguel Costa Gomes - Promessas

Vasco Santos - Promessas

Barcelos - Os candidatos

Vasco Santos - Promessas

Vasco Santos - Promessas

José Ilídio Torres - Promessas

Barcelos - Os candidatos

José Ilídio Torres - Promessas

José Ilídio Torres - Promessas

Mário Constantino - Promessas

Barcelos - Os candidatos

Mário Constantino - Promessas

Mário Constantino - Promessas

Miguel Costa Gomes defende que a autarquia de Barcelos é "aberta, amiga dos cidadãos e preocupada com os problemas"

Barcelos - Os candidatos

Miguel Costa Gomes defende que a autarquia de Barcelos é "aberta, amiga dos cidadãos e preocupada com os problemas"

Miguel Costa Gomes, atual Presidente e candidato do PS à Câmara Municipal de Barcelos, diz que segundo os outros candidatos "em Barcelos é tudo mau, o que não é verdade" e que "digam o que disserem não há dúvidas que a Câmara de Barcelos é uma Câmara aberta, amiga dos cidadãos e preocupada com os problemas dos mesmos". Defende que entrou na autarquia "não para fazer parte do problema mas sim parte da solução" e que tem "feito esse esforço a vários níveis". O atual Presidente afirma ainda que "a base fundamental no desenvolvimento do concelho foi o protocolo 200%" sendo que "dignificou o papel do autarca" e que "só diz que Barcelos não está desenvolvido quem apenas anda no centro da cidade".

Mário Figueiredo defende que "faltou estratégia ao PS para alterar o rumo político que o PSD deixou"

Barcelos - Os candidatos

Mário Figueiredo defende que "faltou estratégia ao PS para alterar o rumo político que o PSD deixou"

Mário Figueiredo, candidato da CDU à Câmara de Barcelos, refere que a cidade "tem muitas potencialidades que nunca foram aproveitadas mandato após mandato" e que "os dois últimos mandatos foram um falhanço". Defende que "faltou estratégia ao Partido Socialista para alterar um rumo político que foi deixado pelo Partido Social Democrata" e que o candidato Mário Constantino não pode fugir às responsabilidades. O candidato indica que era preciso "resolver o problema da água e da zona ribeirinha", medidas que eram prioritárias para o PS.

Mário Constantino defende que Barcelos tem de aproveitar "a sua centralidade como âncora no desenvolvimento"

Barcelos - Os candidatos

Mário Constantino defende que Barcelos tem de aproveitar "a sua centralidade como âncora no desenvolvimento"

Mário Constantino, candidato do PSD/CDS-PP à Câmara Municipal de Barcelos, defende que "não há uma estratégia nem uma ideia de cidade", dando como exemplo "o fecho da circulação urbana" uma vez que "em oito anos o Partido Socialista no Governo não conseguiu concluir uma obra estruturante e que vai ser decisiva para a economia barcelense". Afirma que o concelho tem de aproveitar "a sua centralidade como âncora de desenvolvimento" e como tal melhorar a circulação dentro e até à cidade. O candidato fala ainda do rio "fabuloso" que Barcelos tem mas diz que "as margens não estão aproveitadas, valorizadas nem rentabilizadas", coisa que para Mário Constantino é "criminoso".

Vasco Santos critica PS e PSD e diz que "o diagnóstico é negro"

Barcelos - Os candidatos

Vasco Santos critica PS e PSD e diz que "o diagnóstico é negro"

Vasco Santos, candidato independente à Câmara Municipal de Barcelos, indica que "o diagnóstico dos últimos anos é negro" uma vez que todos os problemas que o concelho tem é graças ao PSD "pela gestão que fez durante 30 anos" e que o candidato Mário Constantino, uma vez que também foi vice-presidente da autarquia, "não pode isentar-se de culpas". Apresenta informações do Tribunal de Contas do Ministério Público que indicam que "o negócio das águas é ruinoso e criminoso"e diz que quanto à construção de um novo hospital, o "PS e o PSD criam um problema na saúde para os barcelenses e para os portugueses todos". O candidato critica ainda o problema da mobilidade nas freguesias e a poluição no rio dizendo até que "é uma pouca vergonha ter uma mais valia dentro da própria cidade e não aproveitar".

Domingos Pereira afirma que "só uma liderança política muito forte" vai conseguir implementar o que é necessário em Barcelos

Barcelos - Os candidatos

Domingos Pereira afirma que "só uma liderança política muito forte" vai conseguir implementar o que é necessário em Barcelos

Domingos Pereira, candidato independente à autarquia de Barcelos, afirma que tem "muito orgulho daquilo que foi feito e daquilo que ainda muito falta fazer" e que "só uma liderança política muito forte é que é capaz de implementar agora as medidas que devem ser implementadas". Defende que "quem não compreender o espectro económico e social de Barcelos não tem uma visão do concelho" e que a agricultura, apesar de ainda não mencionada pelos restantes candidatos, "é crucial para o desenvolvimento" da cidade.

José Ilídio Torres diz que a mobilidade "é uma espécie de um cancro que está instalado na cidade" de Barcelos

Barcelos - Os candidatos

José Ilídio Torres diz que a mobilidade "é uma espécie de um cancro que está instalado na cidade" de Barcelos

José Ilídio Torres, candidato do Bloco de Esquerda à autarquia de Barcelos, afirma que a cidade "mudou alguma coisa" e que "houve algumas obras de fachada que se fizeram" mas que "as obras fundamentais arrastaram-se no tempo". Defende que o "PS deveria ter já há muito tempo feito a regeneração no mercado municipal, tal qual ele merece" e que a mobilidade "é uma espécie de um cancro que está instalado na cidade". O candidato diz que um "concelho vasto" como é Barcelos "já há muito tempo que deveria ter resolvido o problema da mobilidade" uma vez que isso melhoraria também a "descentralização dos serviços".

Barcelos: o lançamento do debate autárquico

Barcelos

Barcelos: o lançamento do debate autárquico

 

Promo Autárquicas - Barcelos

Barcelos

Promo Autárquicas - Barcelos

Promo Autárquicas - Barcelos

Alguns números
Despesas em Ambiente

5,8

Despesas em Ambiente (2015)

Abstenção (2013)

30,9%

Taxa de Abstenção (2013)

Número de caixas multibanco

94

Número de caixas Multibanco

Ecrãs de cinema

3

Ecrãs de cinema

Nascimentos fora do casamento

28,2%

Nascimentos fora do casamento

Eleitores

107.977

Eleitores

População

118.808

População

Trabalhadores na Administração Pública Local

620

Trabalhadores na Administração Pública Local

Freguesias

61

Freguesias

Crime

17

Crimes / 1.000 hab.

Reformados

2.855

Reformados

Logos elaborados por Flaticon e dados estatísticos por PORDATA