Info

Mulher pede indemnização por divergência médica

Mulher pede indemnização por divergência médica
| Norte
Porto Canal (BYF)

Doente pede indeminização ao Hospital de Aveiro por ter sido operada a vértebras erradas. O caso decorreu em Março de 2009, quando a mulher deu entrada no hospital para ser submetida a uma intervenção cirurgica, a uma "volumosa" hérnia discal na coluna cervical.

Passado três dias a doente foi para casa com alta, mas começou a sentir dores e não conseguia mexer o pescoço. Uma vez que não se notaram melhorias, passados dois anos, a mulher decidiu consultar outras ortopedistas, descobriu que tinha sido operada às vértebras erradas.

A doente ficou imobilizada para o trabalho e para a sua vida famíliar. A ortopedista disse ao Diário de Notícias que viu "grande instabilidade" entre as duas vértebras diferentes das que deviam ser operadas.

O Ministerio Público decidiu arquivar o processo contra os  três médicos que vão pagar 21 mil euros à doente.

+ notícias: Norte

Construção nas Fontainhas do Porto gera onda de contestação entre os moradores

Uma nova construção está a gerar polémica nas Fontainhas, no Porto. Os moradores já pediram embargo da obra que tapa as vistas para o Douro. A Câmara do Porto diz não ver desconformidades no projeto.

Despoluição e requalificação do Rio Tinto finalizada com investimento de 10 milhões de euros

O problema de poluição do Rio Tinto, que existia há várias décadas, está resolvido. Foram investidos perto de 10 milhões de euros para a despoluição e requalificação da área envolvente.

Funcionária da Câmara Municipal de Barcelos denuncia falta de condições de trabalho por laboral ao lado de casa de banho

O Tribunal Administrativo e Fiscal de Braga "obrigou" a Câmara de Barcelos a recolocar no seu posto de trabalho original uma funcionária que tinha sido transferida para outro local, sem condições dignas e sem funções atribuídas. A mulher foi posta a trabalhar junto a uma casa de banho masculina.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.