Info

Extinto fogo do Caramulo, mas continuam 700 bombeiros em vigilância e rescaldo

| Norte
Fonte: Agência Lusa

Lisboa, 31 ago (Lusa) -- O incêndio que desde quarta-feira estava a consumir mato na serra do Caramulo, em Tondela, envolvendo largas centenas de operacionais no seu combate, está extinto, mas continuam no local cerca de 700 operacionais de 201 veículos de apoio.

Em declarações à agência Lusa, Miguel Cruz, adjunto de operações nacional, explicou que o fogo está apagado, mas há ainda um grande trabalho a fazer no local já que a área de intervenção é muito extensa.

"Continuam no local cerca de 700 operacionais apoiados por 201 veículos que estão em trabalhos de vigilância e rescaldo para evitar reacendimentos e reativações", explicou.

O mesmo responsável acrescentou que o elevado contingente no local do fogo "será desmobilizado" à medida que as circunstâncias o permitirem sendo "impossível" fixar um tempo em que permanecerão no local.

"Há muito trabalho a fazer e amanhã prevendo-se um dia de calor há que manter uma vigilância ativa na zona e é esse agora o trabalho de todo o contingente no local", explicou.

Depois de vários dias com uma grande intensidade de fogos, às 03:00 estavam ativos em Portugal 32 incêndios dos quais apenas quatro mereciam maiores atenções das autoridades.

O fogo de Recarei, concelho de Paredes, distrito do Porto era o que mobilizava mais meios em Portugal com 257 operacionais apoiados por 65 viaturas a combater o incêndio em mato que tinha uma frente ativa e estava a lavrar desde as 06:11 de sexta-feira.

Com menos meios, mas também assinalados na página eletrónica da Proteção Civil estavam os fogos de Marco de Canaveses e Penafiel, ambos no distrito do Porto, e de Amares, no distrito de Braga.

Desde as 00.00, a Proteção Civil portuguesa registou nove novos incêndios em Portugal.

JCS // JCS

Lusa/fim

+ notícias: Norte

Assalto deixa escola básica de Vila do Conde sem equipamentos informáticos

A Escola Básica de Bento de Freitas, em Vila do Conde, foi hoje de madrugada assaltada, tendo sido levados equipamentos informáticos, informou à agência Lusa o presidente do Agrupamento de Escolas Frei João.

Encarregados de educação exigem reforço de funcionários na Escola Básica Manuel António Pina em Vila Nova de Gaia

Os pais da Escola Básica Manuel António Pina, em Vila Nova de Gaia, concentraram-se esta terça-feira de manhã à porta do estabelecimento de ensino. Protestam contra a falta de funcionários e estão a recolher assinaturas para fazerem chegar à Assembleia da República uma petição para alterar a lei dos rácios.

Assaltantes levam cofre com cinco mil euros de uma Associação em Paredes

Um grupo de assaltantes levou, esta terça-feira de manhã, um cofre com cerca de cinco mil euros, documentos e outros bens da Casa do Povo de Sobreira, em Paredes, apurou o Porto Canal com fonte da GNR.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.