Info

Japão quer condução automática em autoestradas e vias principais em 10 anos

Japão quer condução automática em autoestradas e vias principais em 10 anos
| Mundo
Porto Canal

O Ministério japonês dos Transportes apresentou um documento para o desenvolvimento de um sistema de condução automática de veículos em autoestrada que poderá estar operacional na próxima década, revelou hoje a agência Kyodo.

O sistema está pensado para eliminar congestionamentos e acidentes em vias de alta velocidade.

O documento explica que os veículos entrariam automaticamente em modo de piloto automático quando entram numa autoestrada ou itinerários principais sendo conduzidos pelo sistema até à saída desejada.

Os automóveis estariam equipados com dispositivos de controlo da distância para o carro da frente e para manterem a posição na via.

O documento também explica que se pretende que o novo sistema esteja ativo numa via das estradas de alta velocidade em 2016 e que funcione em todas as vias no início da próxima década.

O vice-ministro dos Transportes, Hiroshi Kajiyama, defendeu a promoção imediata do sistema que seria pioneiro no mundo.

O Ministério japonês dos Transportes está empenhado em cooperar com os fabricantes de automóveis no desenvolvimento do mecanismo que, entre outros benefícios, aumentaria a competitividade da indústria.

A Nissan Motor, o segundo maior fabricante japonês, anunciou esta semana nos Estados Unidos o desenvolvimento de veículos de condução autónoma que devem chegar ao mercado em 2020.

Baseada no modelo elétrico Leaf, a Nissan vai construir um protótipo que incluirá cinco câmaras de captação de dados da via e de sinalização além de 12 sensores laser para evitar colisões, um veículo que começará a ser testado em abril de 2014.

Já a Toyota, o maior produtor japonês, apresentou em janeiro um protótipo de condução automática.

+ notícias: Mundo

Covid-19: Portugueses no Norte de Itália relatam situações de pânico

Itália é o país europeu com maior número de infetados, sendo que onze pessoas já morreram. Os portugueses que vivem no Sul do país dizem não sentir os efeitos do vírus mas, a Norte falam em situações de pânico e muitas restrições.

Automóvel atropela desfile de Carnaval na Alemanha, vários feridos

Um automóvel avançou hoje sobre um desfile de Carnaval em Volkmarsen, no centro da Alemanha, fazendo vários feridos, segundo a polícia.

Covid-19: Anunciada segunda morte em Itália. 50.000 pessoas estão em quarentena

Uma segunda pessoa, com coronavírus Covid-19, morreu hoje em Itália, onde foram identificados mais de 30 casos de contaminação até agora, dos quais 25 casos na Lombardia (região de Milão), anunciaram agências de notícias italianas.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.