Info

China é o segundo país com maior área de cultivo de vinha

| Mundo
Fonte: Agência Lusa

Paris, 27 abr (Lusa) - A Organização Internacional da Vinha e do Vinho (OIV) colocou hoje a China como o segundo país com a maior área de cultivo de vinha, seguida pela França.

De acordo com dados do ano passado, apresentados em conferência de imprensa, a China tem 799 mil hectares de terra ocupada por vinhas. Espanha, no primeiro lugar, tem 1,02 milhões de hectares.

A França continua a ser o maior produtor de vinho do mundo, produzindo 47 milhões de hectolitros no ano passado. Este país foi também o maior exportador de vinho, obtendo mais de 7,7 mil milhões de euros, indicou a OIV, um organismo intergovernamental, de carácter científico e técnico.

Os Estados Unidos são o maior consumidor, com cerca de 31 mil hectolitros, seguido pela França e Itália.

A China emergiu rapidamente com um dos principais atores na vinicultura, com 11% do território ocupado por vinhedos no ano passado. Em 2000, o país tinha 4% do território destinado ao cultivo de vinha.

Os maiores importadores de vinho foram a Alemanha, o Reino Unido e os Estados Unidos, com um volume de negócios global de 26 mil milhões de euros.

EJ // VM

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Ministra britânica demite-se e aumenta pressão sobre PM Theresa May

A ministra dos Assuntos Parlamentares britânica, Andrea Leadsom, anunciou hoje a demissão do governo em desacordo com o plano da primeira-ministra, Theresa May, para tentar aplicar o 'Brexit'.

Português encontrado morto em casa com sinais de violência em Moçambique

MUm português de 40 anos foi encontrado morto na casa onde residia, em Maputo, com sinais de violência, disse este sábado à Lusa o cônsul-geral de Portugal na capital moçambicana.

Encontrada cocaína em livros importados de Portugal para Sidney

Mais de 600.000 dólares em cocaína foram encontrados escondidos dentro de livros infantis importados de Portugal para Sydney, na Austrália, revela esta terça-feira a Australian Associated Press.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.