Info

Viviane Araujo é reforço da AJM/FC Porto

| FC Porto
Porto Canal com fcporto.pt

Viviane de Goes Araujo é a segunda aquisição da AJM/FC Porto neste inverno. Com 33 anos, a jovem nascida no Recife regressa à Europa para fazer parte do plantel de voleibol feminino azul e branco. Aos microfones da FC Porto TV e do Porto Canal, a central de 1,90 metros revelou ter “algumas amigas no grupo”, “um dos principais motivos” que a trouxe de volta ao velho continente. “Nunca venci um campeonato Europeu. Já participei no italiano e espanhol, mas nunca fui campeã. Venho do Brasil com esse objetivo”, anunciou a nova número 4 dos Dragões.


Velhas conhecidas no balneário portista
“Já conhecia a equipa. Tenho algumas amigas no grupo, já joguei contra algumas delas e com elas também. Fui vendo várias reportagens sobre o campeonato, comecei a acompanhar e aqui estou.”

Sucesso das compatriotas contribuiu para a mudança
“Quando saímos do Brasil para outro país às vezes temos receio, porque infelizmente algumas equipas não trabalham da forma que deveriam. Saber que há brasileiras a darem-se bem aqui, que corre tudo bem, estão felizes e a jogar é algo importante para qualquer atleta ver. Ter amigas brasileiras aqui e estarem todas felizes foi um dos principais motivos que me trouxe aqui.”

Regresso surpreendente à Europa
“Eu já estava a jogar a Superliga pelo Brasília Vólei e não estava à espera desta proposta no decorrer da temporada, porque no Brasil não é algo comum. Mas na Europa é normal as atletas mudarem de clube a meio da época. Achei que seria importante para mim voltar à Europa, mas foi uma surpresa para mim e fiquei muito feliz.”

Campeonato físico e equilibrado
“Sei que vamos jogar contra o Boavista no próximo jogo, mas não sei muito bem quem são as atletas deles. Porém aqui em Portugal estão várias jogadoras que já jogaram comigo. Não vai ser muito difícil eu conhecer as jogadoras. O jogo é mais físico, toda a gente luta pelo seu espaço. Vi que estamos em primeiro, o que é super importante, e a curta diferença de pontos significa que o campeonato é forte. Acho que estamos no bom caminho, por isso não tenho muito a acrescentar.”

Objetivos
“É o ouro, sempre. Saí do Brasil só com isso em mente. Nunca venci um campeonato Europeu. Já participei no italiano e espanhol, mas nunca fui campeã. Venho do Brasil com esse objetivo, não só do clube, mas também individual neste caso.”

Camisola 4
“Foi uma escolha minha, porque gosto de numerologia e dessas coisas. Não sou adepta de números ímpares, e o 4 é o número com o qual iniciei a minha carreira pelo Sport Club do Recife, um clube de futebol. Achei que seria bom reviver grandes momentos que tive no meu início e acredito que vou voltar a vivê-los aqui também. Sempre fui a número 10 mas quis homenagear o primeiro clube de futebol onde joguei.”

+ notícias: FC Porto

Morreu Alfredo Quintana

O Hospital de São João comunicou ao FC Porto que Alfredo Quintana faleceu às 12h00 de hoje. O guarda-redes luso-cubano da equipa de andebol, de 32 anos, tinha sido internado na segunda-feira depois de ter sofrido uma paragem cardiorrespiratória quando se preparava para iniciar um treino no Dragão Arena.

FC Porto empata com Sporting no Clássico do Dragão

O FC Porto empatou 0-0 com o Sporting, na noite deste sábado, no Estádio do Dragão, em jogo a contar para a 21ª jornada da I Liga.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.
Zoom Zoom Z o o m