Info

Surto em lar de Vila Nova de Cerveira infeta 41 utentes e nove funcionários

Surto em lar de Vila Nova de Cerveira infeta 41 utentes e nove funcionários
| Norte
Porto Canal com Lusa

Quarenta e um dos 70 utentes e nove dos 48 funcionários do Lar Maria Luísa, da Misericórdia de Vila Nova de Cerveira, no distrito de Viana do Castelo, estão infetados com o vírus SARS-Cov-2, disse hoje o provedor.

Em declarações à agência Lusa, Rui Cruz explicou que "dos 41 utentes com covid-19, um está hospitalizado e os restantes assintomáticos".

"Os restantes idosos que não estão infetados foram isolados em alas existentes na instituição", revelou o provedor.

Segundo Rui Cruz, "desde o início da pandemia, este é o primeiro surto a afetar a lar Maria Luísa", tendo sido detetado na terça-feira.

"Um utente sofreu uma queda e foi transportado ao hospital de Santa Luzia, em Viana do Castelo. Foi testado no hospital e confirmou-se a infeção pelo vírus SARS-Cov-2, que provoca a covid-19", especificou.

Na quarta-feira, segundo o provedor da Santa Casa da Misericórdia de Vila Nova de Cerveira, "foi iniciado o processo de despiste da doença em todos os utentes e funcionários da instituição".

"Os testes terminaram na madrugada de hoje e confirmaram o surto, nos 41 utentes e nove funcionários".

"Os funcionários estão todos bem e já requeremos a disponibilização de uma Brigada de Intervenção Rápida (BIR)", reforçou.

Em Portugal já morreram mais de 8.000 doentes com covid-19 e foram contabilizados até agora mais de 496 mil casos de infeção com o novo coronavírus que provoca esta doença, de acordo com a Direção-Geral da Saúde (DGS).

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

RELACIONADAS

DESCUBRA MAIS

Zoom Zoom Z o o m