Info

Covid-19: Espanha ultrapassa os 300.000 casos de infeção

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Madrid, 04 ago 2020 (Lusa) -- Espanha ultrapassou hoje os 300.000 casos de infeção por covid-19 desde o início da pandemia, alcançando um total de 302.814 contágios, dos quais 1.178 foram diagnosticados nas últimas 24 horas.

De todos os novos casos, a maior parte foi detetada na comunidade de Aragão, com 365 novas infeções, seguida pela de Madrid, com 292, e pela Catalunha e Andaluzia, ambas com 109, segundo o último boletim do Ministério da Saúde espanhol.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 694 mil mortos e infetou mais de 18,3 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

AXYG // FPA

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Nagorno-Karabakh: Combates fazem pelo menos 23 mortos e sete civis feridos

Baku, 27 set 2020 (Lusa) -- Os combates de hoje entre o Azerbaijão e as forças separatistas apoiadas pela Arménia, em Nagorno-Karabakh, fizeram pelo menos 23 mortos, incluindo sete civis, de acordo com informações de ambas as partes.

Covid-19: Itália regista 1.766 casos de infeção nas últimas 24 horas

Roma, 27 set 2020 (Lusa) -- A Itália registou hoje 1.766 novos casos de covid-19, menos do que os 1.869 contabilizados no sábado, mas houve uma redução de quase 20 mil testes, de acordo com os dados divulgados pelo ministério da Saúde transalpino.

Macron acusa políticos libaneses de "traição coletiva" após falharem formação de Governo

Paris, 27 set 2020 (Lusa) -- O Presidente francês, Emmanuel Macron, afirmou hoje que os partidos libaneses têm "uma última oportunidade" para cumprirem promessas, tomando nota da "traição coletiva" da classe política, que não conseguiu ainda formar um governo após a demissão do primeiro-ministro.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.