Info

Covid-19: Polónia regista recorde de novos casos com 658 nas últimas 24 horas

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Berlim, 01 ago 2020 (Lusa) -- A Polónia registou 658 novos casos de infeções por covid-19 nas últimas 24 horas, o maior aumento num dia desde o início da pandemia, anunciaram hoje as autoridades de saúde locais.

No total, o país contabiliza 46.346 novas infeções até ao momento, com um total de 1.721 mortes, segundo dados oficiais.

Cinco pessoas morreram nas últimas 24 horas.

O número de infeções tem aumentado nos últimos dias, tendo sido registadas 615 na quinta-feira, dia em que a Polónia já batia o recorde desde o início da pandemia, mas o número aumentou para 657 na sexta-feira.

O primeiro-ministro polaco, Mateusz Morawiecki, alertou na sexta-feira para a possibilidade de colocar em quarentena os viajantes de alguns países europeus com alta incidência de infeções, apesar de não especificar quais.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 673 mil mortos e infetou mais de 17,3 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

Os Estados Unidos são o país com mais mortos (15.138) e também com mais casos de infeção confirmados (cerca de 4,5 milhões).

Seguem-se Brasil (92.475 mortos, mais de 2,6 milhões de casos), México (46.888, mais de 424 mil infetados), Reino Unido (46.119 mortos, mais de 303 mil casos) e Índia (36.511 mortos e perto de 1,7 milhões de infetados).

A Rússia, com 13.939 mortos, é o quarto país do mundo em número de infetados, depois de EUA, Brasil e Índia, com mais de 838 mil casos, seguindo-se a África do Sul, com mais de 482 mil casos e 7.812 mortos.

Na Europa, o maior número de vítimas mortais regista-se no Reino Unido (46.119 mortos, mais de 303 mil casos), seguindo-se Itália (35.141 mortos, mais de 247 mil casos), França (30.625 mortos, mais de 331 mil casos) e Espanha (28.445 mortos, mais de 285 mil casos).

Portugal contabiliza 1.735 mortos em 51.072 casos de infeção.

PMC // EA

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Pfizer atrasa entrega de vacinas na Europa para melhorar produção

O laboratório norte-americano Pfizer advertiu hoje para uma quebra "a partir da próxima semana" nas entregas das vacinas anti-covid na Europa, com vista a melhorar a sua capacidade de produção, anunciaram hoje as autoridades norueguesas.

Itália: PM Conte recebe voto de confiança dos deputados

Roma, 18 jan 2021 (Lusa) -- O primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, obteve hoje a confiança dos deputados para se manter no governo, depois da demissão de duas ministras do partido Itália Viva (IV) ter aberto uma crise política, deixando o governante sem maioria no Senado.

PR de Cabo Verde confiante na assinatura de acordo de mobilidade no espaço CPLP em junho

Bissau, 18 jan 2021 (Lusa) - O Presidente de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, disse hoje em Bissau que está confiante que o acordo de mobilidade de cidadãos da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) deverá ser assinado em junho, em Luanda, Angola.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.