Info

Covid-19: PR da Guiné-Bissau nomeia antiga ministra da Saúde para alta-comissária

| Mundo
Porto Canal com Lusa

Bissau, 05 jun 2020 (Lusa) - O Presidente da Guiné-Bissau, Umaro Sissoco Embaló, nomeou hoje Magda Robalo Correia e Silva para o cargo de Alta-Comissária para a Luta Contra a Covid-19 no país, num decreto presidencial.

Segundo um decreto, divulgado à imprensa, além da nomeação da antiga ministra da Saúde do Governo de Aristides Gomes, demitido na sequência da sua tomada de posse como Presidente guineense, Umaro Sissoco Embaló nomeou também Tumane Balde para o cargo de coordenador-adjunto e Plácido Monteiro Cardoso para secretário.

Num outro decreto, o Presidente guineense criou o Alto-Comissariado para a Luta Contra a Covid-19, dando por extinta a comissão interministerial, que coordenava o combate à pandemia provocada pelo novo coronavírus.

O Alto-Comissariado para a Luta Contra a Covid-19 terá como principal objetivo reformular o plano estratégico, coordenar parcerias e redinamizar o combate contra o novo coronavírus.

Magda Robalo Correia e Silva, antiga representante da Organização Mundial de Saúde na Namíbia e no Gana, foi nomeada em maio para presidir ao Comité de Ética e Governação do Fundo Global de Luta Contra a Sida, Tuberculose e Malária.

Tumane Balde é médico e já fazia parte do Centro de Operações de Emergência de Saúde (COES) guineense.

Plácido Monteiro Cardoso é o antigo diretor do Instituto Nacional de Saúde Pública.

A tomada de posse destes representantes decorreu hoje na presidência guineense.

Segundo os últimos dados divulgados na segunda-feira pelas autoridades sanitárias, a Guiné-Bissau registou, desde março, mais de 1.300 casos de infeção por covid-19 e oito vítimas mortais.

Em África, há 4.756 mortos confirmados em quase 170 mil infetados em 54 países, segundo as estatísticas mais recentes sobre a pandemia naquele continente.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 387 mil mortos e infetou mais de 6,5 milhões de pessoas em 196 países e territórios.

Mais de 2,8 milhões de doentes foram considerados curados.

MSE // VM

Lusa/Fim

+ notícias: Mundo

Covid-19: China aprova vacina para uso exclusivo dos militares

A China aprovou esta segunda-feira uma vacina contra o novo coronavírus, para uso interno no Exército de Libertação Popular, as forças armadas do país, após resultados positivos nos ensaios clínicos.

Covid-19: Governo são-tomense define saúde como prioridade no orçamento retificativo para 2020

São Tomé, 06 jul 2020 (Lusa) - O Governo são-tomense entregou hoje ao parlamento o projeto de orçamento retificativo de 2020, avaliado em 130 milhões de euros, definindo como "prioridade máxima" o setor da saúde, devido ao combate à covid-19.

Covid-19: Brasil começa a testar vacina chinesa da Sinovac este mês

São Paulo, 06 jul 2020 (Lusa) -- Uma potencial vacina contra a covid-19 desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac, batizada de CoronaVac, vai começar a ser testada no Brasil em 20 de julho, anunciou hoje o governador do estado de São Paulo, João Doria.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.