Info

BE debate candidatura presidencial antes do fim do verão

| Política
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 22 mai 2020 (Lusa) -- O BE vai debater a corrida presidencial "ainda antes do final do verão", adiantou à Lusa fonte do partido, depois de a líder bloquista, Catarina Martins, ter afirmado que "o Bloco de Esquerda, no seu tempo", apresentaria "a sua candidatura".

No início da semana, questionada sobre a possibilidade de a socialista Ana Gomes concorrer à próximas eleições presidenciais e se o partido a apoiaria, Catarina Martins considerou que o PS "anda muito agitado" com um tema que "não é uma prioridade", mas deixou claro que "o Bloco de Esquerda, no seu tempo, apresentará naturalmente a sua candidatura".

Hoje, fonte bloquista, garantiu à agência Lusa que "o Bloco debaterá a candidatura presidencial ainda antes do final do Verão".

Na quinta-feira, no programa da RTP1 "5 para a meia-noite", a coordenadora do BE foi desafiada a escolher em votaria nas presidenciais: "Marcelo Rebelo de Sousa, Ana Gomes ou num candidato que o Bloco ainda vai arranjar".

"Eu nas últimas votei na Marisa Matias e gostei tanto", disse apenas Catarina Martins.

Instada a esclarecer se isso significaria que a recandidatura da eurodeputada e candidata presidencial apoiada pelo BE nas últimas eleições presidenciais, a líder bloquista respondeu: "Não. Estou a dizer que gostei muito de votar na Marisa Matias e que o Bloco há de fazer esse debate a seu tempo, claro".

Na segunda-feira, no final de uma reunião com a Associação de Profissionais de Educação de Infância, Catarina Martins defendeu que o tema das eleições presidenciais "para o resto do país, incluindo para o Bloco, não é a prioridade neste momento".

Perante a insistência dos jornalistas sobre o `timing´ dos bloquistas para esta decisão sobre a corrida ao Palácio de Belém, a coordenadora do BE apontou que "no PS existe uma tensão e, portanto, seja tema para os militantes do PS, mas para o resto do país, incluindo para o Bloco, não é, de facto, a prioridade neste momento".

"Há tempo, não teria nenhum sentido se fosse essa a prioridade", reiterou.

De acordo com Catarina Martins, as eleições presidenciais são "um debate que o Bloco faz com muita naturalidade".

"Eu devo dizer que considero até que estamos numa posição particularmente privilegiada na forma como podemos fazer esse debate interno e nas soluções que temos para esse momento", afirmou então.

Nas últimas eleições presidenciais, em 24 de janeiro de 2016, Marisa Matias -- entretanto reeleita eurodeputada nas europeias do ano passado - teve o melhor resultado de sempre de um candidato da área política bloquista, tendo ficado em terceiro lugar, com 10,12% dos votos.

JF // JPS

Lusa/fim

+ notícias: Política

PCP avisa que não vai apoiar propostas de Orçamento do Estado que passem pela austeridade

O Secretário-Geral do PCP disse que "está nas mãos do PS impedir que o Governo caia". Em entrevista ao DN, Jerónimo de Sousa avisou António Costa que não vai apoiar propostas de Orçamento do Estado que envolvam medidas de austeridade.

Covid-19: Presidente da República diz que foi a Ovar para agradecer ao país

O presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, reconheceu hoje o esforço feito pela população de Ovar, durante a cerca sanitária, e elogiou a forma como o país tem vindo a lidar com a pandemia da covid-19.

Marcelo "ainda não se disponibilizou totalmente" para recandidatura presidencial - Rui Rio

O presidente do PSD, Rui Rio, afirmou hoje que os sociais-democratas "a seu tempo" tomarão uma posição sobre as presidenciais, argumentando que Marcelo Rebelo de Sousa "ainda não se disponibilizou totalmente" para uma recandidatura.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.