Info

Jovem que viajava na TAP com suspeita de coronavírus transportada para o Hospital de São João

Jovem que viajava na TAP com suspeita de coronavírus transportada para o Hospital de São João
| Norte
Porto Canal

Uma jovem espanhola, de 21 anos e natural da Galiza, que viajava num voo da TAP proveniente de Milão-Malpensa e que obrigou os passageiros a ficarem retidos no aeroporto Francisco Sá Carneiro, foi transportada para o Hospital de São João, apurou o Porto Canal no local.

Atualizado 26-02-2020 17:36

 

A jovem em questão foi aconselhada pelos pais a não viajar por suspeitas de infeção do coronavírus, no entanto como esta decidiu fazê-lo, os pais entraram em contato com o Aeroporto Francisco Sá Carneiro para informar da situação.

A tripulação foi apenas avisada durante o voo e decidiu ativar o protocolo para doenãs contagiosas, que implica isolar o passageiro transmissor do vírus, colocar-lhe uma máscara e atribuir-lhe um WC privado. Já a tripulação esteve sem qualquer medida de contenção.

A jovem espanhola suspeita de coronavírus saiu de Itália sem febre mas durante o voo manifestou o sintoma.

Este é o segundo caso suspeito a chegar esta quarta-feira ao Hospital de São João no Porto.

 

+ notícias: Norte

Hospital de Gaia garante que "não está previsto" fechar Laboratório de Neurofisiologia

O Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho (CHVNG/E) disse hoje que está a tomar medidas para garantir o funcionamento do Laboratório de Neurofisiologia e que "não está previsto" o seu encerramento, como referiu o diretor interino daquele serviço.

Câmara do Porto acusa TAP de ter uma visão colonialista sobre a região Norte

A Câmara do Porto disse esta sexta-feira que o comunicado da TAP prova a "visão colonialista" e "exclusivamente turística" que a companhia aérea tem sobre o Norte, acusando a companhia de estar a comportar-se como "um agente privado da economia".

Reações à mudança de estratégia da TAP para o Norte cautelosas quanto a novos moldes de atuação da companhia

Continuam a fazer-se ouvir as vozes em reação à mudança de estratégia da TAP para o Norte do país. No entanto são quase todas cautelosas até porque a companhia aérea só comunicou que vai sentir o pulsar dos agentes económicos e políticos, mas não explica em que moldes poderá ser a mudança.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.