Info

Dois fetos encontrados sem vida em Espinho

Dois fetos encontrados sem vida em Espinho
| Norte
Porto Canal com Lusa

Dois fetos foram encontrados sem vida na cidade de Espinho, Aveiro, no início da tarde desta segunda-feira. De acordo com uma nota de imprensa do Comando Distrital de Aveiro, foi encontrado um feto dentro de uma viatura e depois diligências da PSP foi encontrado um segundo feto, ambos sem vida.

Atualizado 20-01-2020 19:09

Uma fonte da PSP de Aveiro à Lusa avançou ter recebido às 12:22 um alerta para a existência de um feto na Rua 62, perto do número 243, em Espinho.

No interior da viatura estava um feto do sexo feminino com alguns meses de gestação. O feto encontrado posteriormente estva envolvido em placenta e peças de roupa, não tendo sido divulgado o local onde se encontrava.

No local estiveram a Autoridade de Saúde e os Bombeiros Voluntários dos Carvalhos que removeram os corpos para o Instituto de Medicina Legal, em Santa Maria da Feira.

A PSP identificou uma mulher de 25 anos como presumível gestante, que se encontra internada numa unidade hospitalar.

As autoridades continuam a averiguar as circunstâncias da ocorrência sendo que foi dado conhecimento do caso ao Ministério Público e à Polícia Judiciária.

+ notícias: Norte

Novo despiste de camião na A3 a 10km do acidente desta manhã

Um camião despistou-se, ao início da tarde desta segunda-feira, na A3, em Santo Tirso junto da saída de Famalicão a 10km do acidente que ocorreu esta manhã, apurou o Porto Canal.

Atualizado 17-02-2020 13:30

Norte do país foi a última região a receber material do INEM e estava danificado

Há falhas nos equipamentos de proteção contra o coronavírus que são distribuídos pelo INEM. A região do Norte foi a última a receber material e a que detetou mais problemas. O sindicato acusa o instituto de estar a pôr em risco as vidas dos profissionais e dos cidadãos.

Escola Básica de Braga está a funcionar sem o mínimo de assistentes operacionais

Grande parte dos assistentes operacionais da Escola Básica do Bairro da Alegria, em Braga, estão de baixa médica e a situação está a preocupar os pais que temem pela segurança das crianças. Neste momento há três operacionais quando no mínimo deviam ser cinco.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.