Info

PJ de Braga deteve quatro suspeitos de cinco roubos à mão armada

PJ de Braga deteve quatro suspeitos de cinco roubos à mão armada
| Norte
Porto Canal com Lusa

A Polícia Judiciária (PJ) de Braga deteve quatro suspeitos de cinco roubos à mão armada ocorridos em outubro e novembro em Amarante, Penafiel, Fafe e Guimarães, anunciou, esta quarta-feira, aquela força.

Em comunicado, a PJ refere que três dos roubos foram em residências e os restantes dois na via pública.

Os quatro suspeitos foram detidos em cumprimento de mandados emitidos pelo Departamento de Investigação e Ação Penal de Guimarães.

“No decurso da operação, que incluiu o cumprimento de mandados de busca, foram apreendidos relevantes elementos probatórios dos crimes de roubo”, acrescenta o comunicado.

A PJ deteve ainda um suspeito de tráfico de estupefacientes.

Foram apreendidos 80 gramas de liamba, uma “diminuta” quantidade de cocaína, duas balanças eletrónicas e outros artigos relacionados com o tráfico de droga.

Os detidos, com idades compreendidas entre os 22 e os 33 anos, vão ser presentes no Tribunal Judicial de Guimarães, para interrogatório e aplicação das respetivas medidas de coação.

+ notícias: Norte

Diretor Nacional da Polícia Judiciária garante morte de Luís Giovani não foi um crime racial

O Diretor Nacional da Polícia Judiciária garantiu, em conferência de imprensa na manhã desta sexta-feira, que a morte do jovem cabo-verdiano Luís Giovani não se tratou de um crime racial, mas de um homicídio violento que teve por base motivos fúteis.

Câmara de Lisboa compra imóveis ao Estado abaixo do valor de mercado e à autarquia do Porto exigem valor três vezes acima 

Há dois anos, a Câmara Municipal do Porto tentou comprar imóvel devoluto, o antigo lar da mendicidade nas Fontaínhas, mas o Estado pediu verba três vezes acima do valor de mercado. Contrariamente ao que aconteceu esta semana em que a Câmara de Lisboa adquiriu onze imóveis a preço abaixo do valor de mercado para arrendamento acessível, lesando o Estado em 3,5 milhões de euros, de acordo com o Tribunal de Contas.

Cinco suspeitos detios pela morte de jovem em Bragança

Foram detidos cinco homens, com idades entre os 22 e os 35 anos, suspeitos da morte do jovem estudante Luís Giovani Rodrigues, em Bragança, de acordo com comunicado da Polícia Judiciária enviado à redação do Porto Canal.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.