Info

Euro cai mas continua ligeiramente acima de 1,10 dólares

| Economia
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 13 nov 2019 (Lusa) - O euro baixou hoje face ao dólar, depois de afirmações do presidente do banco central norte-americano indicando que as taxas de juro ficam inalteradas se o crescimento continuar.

Cerca das 18:00 (hora de Lisboa), o euro negociava a 1,1001 dólares, quando na terça-feira à mesma hora seguia a 1,1009 dólares.

Numa declaração no Congresso, Jerome Powell afirmou hoje que a Reserva Federal (Fed) prevê fazer uma pausa nas suas intervenções sobre as taxas de juro enquanto o crescimento económico se mantiver em linha com as previsões do banco central.

A Fed anunciou no passado dia 30 a terceira descida consecutiva das taxas de juro e Powell já tinha assinalado na altura que haverá uma pausa enquanto não se registarem alterações fundamentais nas previsões do banco central.

Hoje, foi também anunciado que os preços nos Estados Unidos subiram 0,4% em outubro face ao mês anterior, mais do que o esperado, graças a um aumento dos preços da energia.

A taxa de inflação anual aumentou de 1,7% para 1,8%, aproximando-se de 2%, a meta definida pelo banco central, segundo dados oficiais.

Divisas..........hoje.................terça-feira

Euro/dólar........1,1001...................1,1009

Euro/libra........0,85658................ 0,85636

Euro/iene.........119,74.................. 120,10

Dólar/iene........108,85.................. 109,09

EO // MSF

Lusa/fim

+ notícias: Economia

Covid-19: Turismo do Porto e Norte "irritado" com exclusão de Portugal de lista do Reino Unido

O presidente da Turismo do Porto e Norte de Portugal (TPNP) mostrou-se hoje "irritado" com o facto de Portugal ter ficado excluído dos "corredores de viagem internacionais" do Reino Unido, algo que espera que seja "rapidamente retificado".

Governo aprova resolução que reconhece interesse público no auxílio à TAP

O Governo aprovou hoje uma resolução que reconhece o interesse público subjacente à operação de auxílio à TAP no valor de até 1.200 milhões de euros, foi hoje anunciado, no final de uma reunião do Conselho de Ministros.

OE2020: Parlamento aprova por unanimidade prémio aos profissionais do SNS

Os deputados aprovaram hoje por unanimidade uma proposta do PSD que atribui um prémio de desempenho equivalente a 50% da remuneração aos trabalhadores do Serviço Nacional de Saúde (SNS) e majoração das férias.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.