Info

Espeleólogos portugueses encontrados e a começar a sair de gruta em Espanha

Espeleólogos portugueses encontrados e a começar a sair de gruta em Espanha
| Norte
Porto Canal com Lusa

Os quatro espeleólogos portugueses retidos desde sábado numa gruta no norte de Espanha já foram encontrados, estão bem, mas muito cansados, e estão a sair da gruta a pouco e pouco, segundo um elemento do grupo de socorro espanhol.

Os portugueses "estão localizados, encontram-se bem, mas muito cansados" e "estão a sair a pouco e pouco" da gruta em que estão, disse à agência Lusa Martín González Hierro, da Fundação Espeleosocorro Cántabro (ESOCAN).

Os quatro portugueses, que fazem parte de um grupo de sete espeleólogos do Clube de Montanhismo Alto Relevo de Valongo, região do Porto, ficaram retidos pela água no fim-de-semana numa das grutas de Cueto-Coventosa, no norte de Espanha.

+ notícias: Norte

Estudante da CESPU infetada com Covid-19 leva quarenta alunos a ficar em quarentena

Uma aluna da CESPU, em Gandra, Paredes, testou positivo ao novo coronavirus e levou a que 40 estudantes que tiveram em contacto indiretamente estejam em quarentena.

Incendio em Famalicão consumiu parte de fábrica, dois camiões e está em fase de rescaldo

Um incêndio industrial em Ribeirão, no concelho de Famalicão, distrito de Braga, consumiu este domingo parte de uma unidade fabril e dois camiões que estavam no exterior da fábrica, e está em “fase de rescaldo”, apurou o Porto Canal no local.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.