ESPECIAL CANDIDATURAS
CLIQUE AQUI PARA VER MAIS
Projeto Parceria
Porto Canal
Info

"Foi um jogo muito sério da minha equipa"

| FC Porto
Porto Canal com fcporto.pt

O FC Porto goleou este sábado o Coimbrões (5-0), no Estádio de Pedroso, em partida referente à terceira eliminatória da Taça de Portugal. Sérgio Conceição sublinhou a exibição séria dos Dragões e a forma como respeitaram ao máximo a equipa gaiense, que disputa o Campeonato de Portugal.

Seriedade e respeito
“Hoje em dia não há jogos fáceis. Penso que foi um jogo muito sério da minha equipa, respeitando muito o Coimbrões. A nossa preparação para este jogo não foi diferente da que fazemos para os outros jogos e esse foi o primeiro passo para ganhar ao Coimbrões. Houve uma grande seriedade e um grande respeito pelo adversário. Em termos individuais e coletivos, o FC Porto está noutro patamar, mas só trabalhando com humildade é que tornámos as coisas fáceis.”

O golo de Fábio Silva
“Não ando atrás de recordes, mas sim da melhor gestão do grupo. Fizemos um jogo sério e vencemos. O Fábio marcou e assim juntou-se o útil ao agradável.”

A Taça de Portugal
“O nosso caminho é o que é. Se houve equipas da Primeira Liga que ficaram pelo caminho, é porque houve outras equipas de qualidade que as eliminaram. Gosto muito da Taça de Portugal e espero voltar ao Jamor, mas sendo mais feliz na final. Tenho um carinho muito grande por esta competição.”

A calendarização
“É o que tem que ser. A calendarização é um discurso que não é para hoje, mas tenho a minha opinião pessoal. A paragem foi boa no sentido de recuperar alguns jogadores lesionados e hoje aproveitámos para lhes dar minutos. Vamos ter muitos jogos nas próximas semanas, mas o plantel dá-nos garantias para estarmos firmes e sólidos em todas as competições.”

A confiança vem do trabalho
“Não utilizo os jogos para dar confiança aos jogadores, pois eles têm de a ganhar no trabalho diário. A partir daí, vão a jogo. A confiança é conquistada diariamente.”

+ notícias: FC Porto

"Ao ser rasteirado por um dos polícias fui diversas vezes pontapeado e o mais grave foram várias bastonadas"

"Ao ser rasteirado por um dos polícias fui diversas vezes pontapeado e o mais grave foram várias bastonadas", afirma Rafael Santos, adepto do FC Porto, que conta como foi agredido pelas forças policiais em Coimbra, aquando da Final da Taça de Portugal.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.