Info

Siza Vieira, Santos Silva, Mariana Vieira da Silva e Centeno vão ser ministros de Estado

| Política
Porto Canal com Lusa

O XXII Governo Constitucional, hoje apresentado pelo primeiro-ministro indigitado ao Presidente da República, prevê que Pedro Siza Vieira, Augusto Santos Silva, Mariana Vieira da Silva e Mário Centeno sejam ministros de Estado.

A existência de quatro ministros de Estado é uma das principais novidades em relação ao XXI Governo Constitucional, uma opção que, fonte oficial do executivo, justifica como "um reforço do núcleo central" do executivo.

"Com quatro ministros de Estado (Pedro Siza Vieira, Augusto Santos Silva, Mariana Vieira da Silva e Mário Centeno) permite-se ao primeiro-ministro e ao ministro dos Negócios Estrangeiros assegurarem plenamente a condução da presidência portuguesa da União Europeia" em 2021.

Pedro Siza Vieira será ministro de Estado e da Economia; Augusto Santos Silva ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros (terceiro da hierarquia do executivo); Maria Vieira da Silva ministra de Estado e da Presidência (quarta da hierarquia); e Mário Centeno ministro de Estado e das Finanças (quinto da hierarquia).

Entre os governos socialistas, os executivos de José Sócrates, entre 2005 e 2011, também adotou o modelo de ministros de Estado, no caso António Costa com a Administração Interna, Campos e Cunha e depois Teixeira dos Santos com a pasta das Finanças, e Freitas do Amaral e depois Luís Amado com a pasta dos Negócios Estrangeiros.

Lista dos ministros do XXII Governo Constitucional

Primeiro-ministro - António Costa

Ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital - Pedro Siza Vieira

Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros - Augusto Santos Silva

Ministra de Estado e da Presidência - Mariana Vieira da Silva

Ministro de Estado das Finanças - Mário Centeno

Ministro da Defesa Nacional - João Gomes Cravinho

Ministro da Administração Interna – Eduardo Cabrita

Ministra da Justiça - Francisca Van Dunen

Ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública - Alexandra Leitão

Ministro do Planeamento - Nelson Souza

Ministro da Cultura - Graça Fonseca

Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior - Manuel Heitor

Ministro da Educação - Tiago Brandão Rodrigues

Ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social - Ana Mendes Godinho

Ministro da Saúde - Marta Temido

Ministro do Ambiente e da Ação Climática - João Pedro Matos Fernandes

Ministro das Infraestruturas e da Habitação - Pedro Nuno Santos

Ministra da Coesão Territorial - Ana Abrunhosa

Ministro da Agricultura - Maria do Céu Albuquerque

Ministro do Mar - Ricardo Serrão Santos

Secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares - Duarte Cordeiro

Secretário de Estado Adjunto do Primeiro-Ministro - Tiago Antunes

Secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros - André Moz Caldas

 

+ notícias: Política

Costa afasta "Bloco Central" e recusa aceitar incapacidade da esquerda para visão comum

O secretário-geral socialista garantiu hoje que vai manter o rumo político e não haverá "Bloco Central" PS/PSD, frisando que recusa aceitar que a esquerda seja incapaz de se entender sobre uma visão comum para o país.

Efacec: Marcelo quer nacionalização "quanto mais curta melhor"

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou na sexta-feira que a nacionalização da Efacec não é para ser duradoura, defendendo que "quanto mais curta melhor".

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.