Info

PJ prende homem suspeito de ter abusado sexualmente de jovem de 15 anos em Vila Real

| Norte
Porto Canal com Lusa

Lisboa, 05 out 2019 (Lusa) - Um homem de 32 anos foi detido em Valpaços, no distrito de Vila Real, por suspeita de ter abusado sexualmente de uma jovem de 15 anos no espaço de oito meses, anunciou hoje a Polícia Judiciária.

A Polícia Judiciária (PJ) adianta em comunicado que o suspeito está "fortemente indiciado pela prática de um crime de abuso sexual de menores dependentes".

Segundo a PJ, os factos ocorreram entre novembro de 2018 e agosto de 2019 numa residência situada em Valpaços, sendo a vítima uma jovem de 15 anos.

Através da Unidade Local de Investigação Criminal de Vila Real, a Polícia Judiciária procedeu à identificação e detenção do homem pela presumível autoria de um crime de abuso sexual de menores.

O detido, empregado da construção civil, foi presente a interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação e aguarda agora em prisão preventiva o desenvolvimento do processo.

HN // VM

Lusa/Fim

+ notícias: Norte

Espeleólogos portugueses encontrados e a começar a sair de gruta em Espanha

Os quatro espeleólogos portugueses retidos desde sábado numa gruta no norte de Espanha já foram encontrados, estão bem, mas muito cansados, e estão a sair da gruta a pouco e pouco, segundo um elemento do grupo de socorro espanhol.

Camião com madeira tomba e corta acesso à A27 em Ponte de Lima

Um camião que transportava madeira despistou-se e tombou hoje no acesso à Autoestrada 27 (A27), em Refoios do Lima, Ponte de Lima, espalhando a carga e derramando gasóleo, obrigando ao corte de trânsito naquele troço, disse fonte da GNR.

Centro Comercial Brasília celebra 43 anos de história

O centro comercial Brasília, no Porto, está a comemorar 43 anos. O segundo shoping mais antigo da cidade do Porto está a ser renovado e vai surgir mais moderno e com mais lojas.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.