Info

Montante dos novos créditos ao consumo aumenta 15% em julho

| Economia
Porto Canal com Lusa

Redação, 16 set 2019 (Lusa) -- O montante total dos novos créditos concedidos aos consumidores em julho aumentou 15,2% face ao mesmo mês de 2018 e 21,5% relativamente ao mês anterior, atingindo 687,6 milhões de euros, divulgou hoje o Banco de Portugal (BdP).

De acordo com os dados mais recentes sobre a evolução dos novos créditos aos consumidores, o maior aumento aconteceu nos novos empréstimos para consumo pessoal, que cresceram 29,1% em valor, tendo sido concedidos 304 milhões de euros, e 19,3% em número, num total de 43.598 contratos.

Em alta em julho estiveram também os novos empréstimos através de cartões e descoberto, com os montantes utilizados nesta modalidade a aumentarem 8,9% em valor e 8,6% em número, com 85 milhões de euros e 66.960 contratos, respetivamente.

Quanto aos novos créditos para compra de automóvel, subiram 5,4% em montante, somando 298 milhões de euros, e 6,7% em número, com 21.332 contratos.

PD // MSF

Lusa/fim

+ notícias: Economia

Norte continua a ser a região mais pobre

O Norte do país continua a ser fustigado pelos níveis de pobreza. Há mais de 800 mil pessoas abaixo do limiar aceitável de condições de vida. 

"Talvez tenhamos que vender parte do território nacional a quem o queira vender"

Lino Maia, da Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade, perante os dados que demonstram que a região Norte de Portugal é a mais afetada pela pobreza, afirma que "talvez tenhamos que vender parte do território nacional a quem o queira vender". O INEM revela que no Norte existem 814 mil pessoas consideradas pobres, enquanto que a Área Metropolitana de Lisboa conta com 474 mil pessoas, dados de 2018.

OE2020: Principais números do Projeto de Plano Orçamental

O Governo divulgou hoje o Projeto de Plano Orçamental para 2020, que enviou à Comissão Europeia, onde prevê um défice menor este ano e corta para um saldo orçamental nulo a estimativa de excedente em 2020.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.