Info

Paulo Azevedo pede demissão da presidência da STCP

| Norte
Porto Canal com Lusa

O presidente executivo da Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP), Paulo de Azevedo, apresentou a demissão do cargo, disse esta sexta-feira à agência Lusa fonte da empresa.

Atualizado 29-06-2019 12:34

Segundo a edição de hoje do jornal Público, que avançou a informação sobre a demissão, Paulo de Azevedo "já vinha a ponderar há algum tempo" a saída do cargo que ocupa na sociedade detentora dos transportes rodoviários urbanos do Grande Porto.

A "gota de água" que o fez consumar o pedido "terá sido a reação do presidente da Câmara de Vila Nova de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, à investida da transportadora pública, que admitiu pedir indemnizações à Área Metropolitana do Porto, enquanto autoridade de transportes, e às empresas privadas que há anos violam o direito de exclusividade da STCP no território do município do Porto".

À entrada para reunião do Conselho Metropolitano do Porto, o presidente da AMP, Eduardo Vítor Rodrigues, disse hoje à Lusa desconhecer o pedido de demissão de Paulo de Azevedo.

Paulo de Azevedo tentou, ainda segundo o jornal, que a Área Metropolitana impedisse, com os poderes de fiscalização e sancionatórios que detém, que a situação de concorrência ilegal se mantivesse em 2019.

Tal concorrência teria gerado à STCP um prejuízo mínimo de quase 500 mil euros, só em 2018.

+ notícias: Norte

Mata do Camarido, em Caminha, está a ser recuperada com projeto de gestão que ronda os 35 mil euros

A Mata Nacional do Camarido em caminha está a ser recuperada através de um plano de gestão pensado para durar 15 anos. O investimento ronda os 35 mil euros.

Autarquia do Porto admite criar 'drive-in' no queimódromo para visualização dos jogos da Primeira Liga

A Câmara Municipal do Porto está a ponderar abrir o queimódromo com sistema 'drive-in' para a visualização dos jogos que faltam disputar na Primeira Liga. A ideia foi debatido num encontro hoje entre Rui Moreira e Pedro Proença.

Covid-19: Viana do Castelo lança campanha para transmitir confiança ao consumidor no comércio local

Viana do Castelo lançou uma nova campanha que visa transmitir e demonstrar confiança e segurança na reativação do pequeno e médio comércio. Os empresários anseiam a reabertura total das fronteiras, principalmente com a Galiza.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.