Info

Isenção automática de IMI chegou este ano a 1,17 milhões de pessoas

Isenção automática de IMI chegou este ano a 1,17 milhões de pessoas
| Economia
Porto Canal com Lusa

A isenção de Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) que é atribuída a pessoas com rendimentos e património imobiliário de baixo valor chegou este ano a 1,17 milhões de contribuintes.

"Relativamente ao ano de 2018, a isenção de IMI para prédios de reduzido valor patrimonial de sujeitos passivos de baixos rendimentos foi reconhecida a 1.170.789 contribuintes", afirmou à agência Lusa fonte oficial do Ministério das Finanças.

Em causa está um benefício que é atribuído de forma automática pela Autoridade Tributária e Aduaneira aos proprietários de imóveis de valor patrimonial inferior a 66.500 euros e com agregados familiares cujo rendimento bruto anual não exceda 2,3 indexantes de apoios sociais, ou seja, 15.295 euros (475 euros x 14 meses x 2,3 IAS).

Os dados do Ministério das Finanças referem-se ao IMI relativo a 2018, ainda que o efeito prático da isenção diga respeito a 2019.

A Lusa questionou o Ministério das Finanças sobre o número de isenções automáticas de IMI concedidas em 2018 (para o imposto referente a 2017) mas não obteve resposta.

Os últimos dados disponíveis dizem respeito a 2017, ano em que foram concedidas 1.240.835 destas isenções por baixos rendimentos e património de reduzido valor.

Quem não reúne os critérios para ter direito a esta isenção pode, ainda assim, beneficiar de um período máximo de três anos sem pagar IMI desde que o imóvel em causa tenha um valor patrimonial tributário inferior a 125.000 euros, e que o rendimento coletável no ano anterior ao da aquisição não tenha excedido os 153.300 euros.

+ notícias: Economia

Sindicato dos motoristas ameaça greve com consequências mais graves que em abril

O Sindicato Independente dos Motoristas de Mercadorias (SIMM) ameaça consequências mais graves para a greve que começa em 12 de agosto do que as sentidas em abril, avisou em carta aberta enviada esta segunda-feira às redações.

Investimento público dos municípios do Norte aumentou 42,4% em 2017

O investimento público dos municípios da região do Norte aumentou 42,4% em 2017, quando comparado com o ano anterior, invertendo a tendência de “forte queda” entre 2013 e 2016, revela o relatório Norte Estrutura hoje divulgado.

Greve dos técnicos de diagnóstico regista adesão acima dos 85%

A greve dos técnicos superiores de diagnóstico e terapêutica regista hoje uma adesão de 85% a 90% a nível nacional, chegando aos 100% em alguns serviços, disse à agência Lusa o dirigente sindical Luís Dupont.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.