Info

Tribunal Arbitral decreta serviços mínimos para greve de revisores da CP

Tribunal Arbitral decreta serviços mínimos para greve de revisores da CP
| País
Porto Canal com Lusa

O Tribunal Arbitral decidiu hoje decretar serviços mínimos para a greve dos revisores da CP, agendada para segunda e terça-feira, alegando que o direito à greve "tem que ser interpretado em harmonia com outros direitos fundamentais".

"O direito à greve, como direito fundamental, tem que ser interpretado em harmonia com outros direitos fundamentais, como o direito à circulação, o direito à saúde, o direito ao trabalho ou o direito à educação [...]. Uma greve suscetível de implicar um risco de paralisação do serviço de transportes deve ser acompanhada da definição dos serviços mínimos", defendeu, em comunicado, o Tribunal Arbitral.

Na base da decisão, está ainda a obrigação, prevista no Código do Trabalho, de as associações sindicais e de os trabalhadores aderentes assegurarem, durante a paralisação, a prestação de serviços mínimos "indispensáveis à satisfação" de necessidades sociais no setor.

"A conclusão a que se chega é a de que se afigura adequado, ao abrigo dos critérios constitucionais e legais, a definição de serviços mínimos relativos à circulação das composições de transporte de passageiros, por se tratar de uma greve com uma duração de, na prática, quatro dias e com um âmbito subjetivo expressamente referido para 'todos os trabalhadores ferroviários, de todas as categorias profissionais da CP", lê-se no documento.

+ notícias: País

Dezassete elementos dos 'Hells Angels' detidos por suspeitas de associação criminosa

A Polícia Judiciária deteve esta terça-feira 17 pessoas em vários pontos do país do grupo 'Hells Angels' por suspeitas de associação criminosa e o seu primeiro interrogatório judicial decorrerá na quarta-feira no Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa.

Associações de militares, GNR e polícia marítima contra diploma de carreiras especiais

Associações profissionais de militares, da Guarda Nacional Republicana e da Polícia Marítima criticaram esta terça-feira o decreto-lei sobre as carreiras especiais publicado na segunda-feira, que consideram injusto por não corrigir as consequências do tempo de serviço congelado.

Região Centro regista aumento de sofisticação nos crimes de violência doméstica

Os casos de violência doméstica que têm chegado ao Gabinete de Apoio à Vítima de Coimbra não têm aumentado ao longo dos anos, mas regista-se um incremento ao nível de sofisticação por parte dos agressores e no recurso às redes sociais.

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.